Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês

Terremoto: O mundo veio abaixo

Por Da Redação Atualizado em 31 out 2016, 18h27 - Publicado em 31 out 2004, 22h00

O dia 28 de julho de 1976 vai ficar marcado para sempre na hisória da cidade industrial de Tangshan, na província de Hebei, norte da China. Naquele dia, a cidade foi arrasada por um terremoto com poder de destruição 400 vezes superior ao da bomba atômica que fez sucumbir a cidade japonesa de Hiroshima durante a Segunda Guerra Mundial, em 1945. O tremor, que alcançou 8 graus na escala Richter, teria provocado a morte de 750 000 pessoas, mas, segundo o governo chinês, as vítimas fatais somaram 242 000 – ainda assim, um recorde entre os terremotos ocorridos no século 20.

Devido à censura imposta pelo regime comunista, os próprios chineses ignoravam completamente o terremoto e só tomaram conhecimento da tragédia depois que ela foi noticiada pela imprensa internacional. A China tem sido cenário de alguns dos piores terremotos da história. Desde 1900, houve no país 664 abalos com magnitude superior a 6 graus na escala Richter.

A China também foi palco do terremoto que mais matou em todos os tempos. Ele sacudiu a cidade de Shansi em 21 de janeiro de 1556, causando cerca de 830 000 mortes

Publicidade