GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

Lego investe US$ 145 mi para ter produtos à base de plantas

Por Luísa Melo, de EXAME.com

A Lego vai investir 1 bilhão de coroas dinamarquesas (algo em torno de 145 milhões de dólares) para produzir seus blocos de montar com plástico de base biológica. A ideia é reduzir a emissão de carbono na atmosfera.

O dinheiro será aplicado no “Centro de Materiais Sustentáveis Lego”, um laboratório de inovação que deve empregar mais de cem cientistas entre 2015 e 2016. Ele ficará junto à sede da companhia, em Billund, na Dinamarca.

“Esse é o maior passo do Lego Group no nosso plano de alcançar a ambição de ter materiais sustentáveis até 2030″, disse o presidente da empresa Jørgen Vig Knudstorp, em nota.

A fabricante de brinquedos já reduziu o tamanho de suas embalagens e investiu em um parque eólico “para deixar um impacto positivo no planeta”. “Agora estamos focando nos materiais”, completou Knudstorp.

A própria Lego admite que a “ambição é desafiadora” e que não será conquistada sozinha, mas por meio de parcerias com outras companhias e especialistas.

A empresa também garante que a aparência, qualidade e segurança dos blocos de montar não serão alteradas com a adição de substâncias biológicas em sua fabricação.