Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Como é feita uma palavra cruzada?

Existem programas que organizam os cruzamentos, mas muitas versões são criadas por humanos - os chamados cruziverbalistas. Saiba como é o trabalho deles

Por Felipe Sali Atualizado em 14 fev 2020, 17h25 - Publicado em 23 jun 2018, 16h00

1) Primeiro, o editor seleciona a  temática  das palavras-cruzadas. Algumas grades seguem uma linha específica, como futebol ou youtubers famosos. A maioria dos desafios, porém, usa temas mistos – e eles precisam ser bem variados e equilibrados para não deixar as revistas repetitivas. Esses temas podem ser ciência, famosos, política, geografia etc.

2) Na hora de escolher as palavras que irão compor a grade, o trabalho se divide. Jogos mais complexos ficam a cargo de humanos, os cruziverbalistas (ou “construtores”, no jargão do ramo). Os mais fáceis são bolados por  programas de computador,  como Crossword Compilar e Simpathy, que fazem os cruzamentos por conta própria. No Brasil, a editora Coquetel possui o próprio software.

3) Os  cruziverbalistas  são colaboradores não fixos das revistas. Eles podem ter as mais diversas formações, de engenheiros a professores. Quanto mais variado o time de colaboradores, mais visões de mundo e perspectivas diferentes a revista terá. O modo como eles criam o passatempo depende do estilo pessoal: há quem use planilhas de Excel e outros que fazem tudo no lápis! 

4) Mesmo os cruziverbalistas contam com uma ajudinha da tecnologia. Eles passam a carreira inteira alimentando um  banco de palavras  que serve como base na hora de montar um desafio. Leu o jornal e encontrou uma expressão interessante? Joga no banco de dados. Ouviu o nome de uma celebridade nova? Joga no banco de dados. Ele é o tesouro profissional de um cruziverbalista.

5) Para montar a grade, são selecionadas primeiro cinco ou seis palavras, sempre começando pelas  maiores.  Também recebem preferência os termos com letras “A” e “R”, porque elas são frequentes no português e permitem mais cruzamentos. Pelo motivo inverso, evita-se “H” e “X”. Nos EUA, o macete é semelhante. Tanto que, lá, 7% das cruzadas usam a palavra “era” (período de tempo). Não são permitidos sinônimos ou antônimos na mesma página.

6) Só então é que são elaboradas as perguntas (chamadas de “definições”). O espaço para escrevê-las é  minúsculo,  então a missão é criar um desafio intrigante e claro com o menor número de caracteres possível. Por exemplo: se a resposta for “morcego”, a definição pode ser “único mamífero voador”. Com três palavras e sem conectivos, o texto já passa duas informações sobre o animal. Geralmente, leva-se um dia para criar o jogo.

7) A palavra cruzada vai para o  avaliador,  que faz o trabalho de um editor. Ele encontra erros, melhora as definições e faz sugestões. Normalmente, uma grade volta para o cruziverbalista pelo menos uma vez antes de ser publicada. Com a ajuda da tecnologia, erros são cada vez mais raros, mas é comum o avaliador encontrar uma maneira melhor de formular a pergunta.

 8) Os cruziverbalistas também têm seus pop stars, como Will Shortz, que trabalha até hoje no jornal The New York Times.  Ele foi o responsável por adotar palavras mais coloquiais e dar uma cara mais popular ao jogo. Em 2016, Will se envolveu em uma polêmica com outro conhecido do ramo: Timothy Parker, do USA Today, foi acusado de ter plagiado mais de 60 das suas palavras-cruzadas.

  •  

    CADA CULTURA, UM ESTILO

    Os cinco tipos mais comuns de cruzadas

    Sueco É o que predomina no Brasil, com pistas diretas que ficam dentro da grade

    Americano As pistas ficam do lado de fora da grade e costuma ter um tema oculto que relaciona as três ou quatro respostas principais

    Francês Conta com muitas piadas e trocadilhos. Só consegue completar o jogo quem tem senso de humor

    Inglês É mais complexo. Muitas vezes, a dica é uma charada e você precisa inverter o sentido das palavras para achar a resposta

    Quadros em branco É um subtipo presente em todos os tipos de palavras-cruzadas. Nele, você precisa descobrir quais quadrinhos não devem ser preenchidos. É o mais usado em campeonatos oficiais de cruzadistas

    CONSULTORIA Paulo Freixinho e Maristela Ramos, cruziverbalistas, e Eliana Rinaldi, editora das revistas Coquetel

    FONTES Sites New York Times, Superinteressante, The Sun, USA Today e CBS News

     

  • RESPOSTAS DA PALAVRA CRUZADA PUBLICADA NA EDIÇÃO 211

    Uma das consequências da combustão do gás de cozinha
    Calor

    Na águia, podem medir 2,3 m
    Asas

    Mario (?), franquia da Nintendo
    Party

    (?) Hermanos, banda nacional
    Los

    Animal como o sapo e a rã
    Anfíbio

    Fonte tipográfica inclinada para a direita
    Itálico

    Leste (símbolo)
    E

    Vasos sanguíneos finos, que distribuem e recolhem sangue nas células
    Capilares

    Dom Pedro (?): declarou a Independência
    I

    Companhia aérea surgida da fusão da brasileira TAM e da chilena LAN
    LATAM

    Especialização que pode aumentar o salário em até 31%, segundo pesquisas
    MBA

    Filho de Adão e Eva
    Caim

    Personagem de Schwarzenegger no cinema
    Conan

    Regressei, retornei
    Voltei

    Veste do islamismo que cobre todo o corpo e rosto da mulher
    Burca

    Throwback Tuesday
    TBT

    Continua após a publicidade

    Título de William na família real britânica
    Príncipe

    Cowboy (?), anime dos anos 90
    Bebop

    Elemento químico com número atômico 27
    Cobalto

    “O sonho não (?)”
    Acabou

    Agora, neste instante

    Irmão gêmeo de Castor na mitologia grega
    Pólux

    (?) Pitt, ator
    Brad

    Fica chateado
    Entristece

    Protagonista da franquia de jogos God of War, do PlayStation
    Kratos

    J. R. (?) Tolkien, escritor
    R.

    Serviço de atendimento ao consumidor
    SAC

    Vitamina fixada pelo Sol
    D

    Mineral no grau 1 da escala de dureza de Mohs
    Talco

    Instrumento da manicure
    Lixa

    (?) rosea, nome científico da malva-rosa
    Alcea

    Preposição de companhia
    Com

    Queimar (a pele)
    Arder

    18º maior estado do Brasil, na região Norte
    Amapá

    Filme da Pixar
    Up

    Sulcar a terra
    Arar

    Álbum de Michael Jackson
    Bad

    Aliado de Jon Snow em Game of Thrones
    Davos

    Albert (?), físico alemão que elaborou a Teoria da Relatividade
    Einstein

    Personagem de quatro braços na franquia Mortal Kombat
    Goro

    Rock In Rio
    RIR

    País entre as duas Guianas
    Suriname

    “Olhar”, em inglês
    Look

    Parte colorida do olho que pode ser identificada na biometria
    Íris

    Flutuar, pairar no ar
    Levitar

    Pai do pai

    Um dos cinco gostos do paladar
    Umami

    (?) Modern, museu londrino que recebe 5 milhões de visitantes por ano
    Tate

    Estrada que atravessa uma montanha
    Túnel

    Sigla de Amazonas
    AM

    Elemento tóxico usado em detectores de radiação
    Tálio

    Cor da luz entre o azul e o violeta
    Anil

    Continua após a publicidade
    Publicidade