Clique e assine a partir de 8,90/mês

Por que os pássaros, ao voar em bando, formam um V?

Por Redação Mundo Estranho - Atualizado em 4 jul 2018, 20h14 - Publicado em 18 abr 2011, 18h57

Porque, assim, eles poupam energia. A estratégia é inteligentíssima e produz uma economia fundamental para pássaros migratórios que precisam percorrer distâncias longas. Trata-se de uma questão de aerodinâmica: quando a ave que encabeça o bando bate as asas, vencendo a resistência do ar, forma-se, atrás dela, um vácuo que ajuda as outras a planar por mais tempo e com menos esforço. Observando no céu uma formação dessas, você perceberá que o animal que vai na frente bate as asas muito mais intensamente do que os que vêm atrás. E tem mais: para não cansar o líder, eles se revezam nessa posição dianteira. Há muito tempo os cientistas suspeitavam que a aerodinâmica beneficiava a formação em V, mas só conseguiram comprovar esse efeito recentemente, graças a estudos conduzidos pelo biólogo Henri Weimerskirch no Centro Nacional de Pesquisa Científica de Villiers, na França.

Ele descobriu que o batimento cardíaco de pelicanos voando em V era menor do que quando estavam em terra. Isso foi possível graças à instalação de pequenos monitores cardíacos nas costas das aves, treinadas para perseguir a luz de uma aeronave. O monitoramento mostrou que os pelicanos que seguem o líder economizam até 14% de energia.

Publicidade