GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

Quais máquinas são usadas quando os órgãos param de funcionar?

Elas ajudam um bocado, mas ainda não fazem milagre

 (Felipe Franco/Mundo Estranho)

Pergunta da leitora Laura Caroline, Uberlândia, MG
Ilustra Felipe Franco
Edição Tiago Jokura

1.VENTILADOR MECÂNICO
Mantém a oxigenação no sangue de cerca de 40% dos pacientes de UTI que sofrem de insuficiência respiratória – causada por doenças no pulmão ou até em outros órgãos
COMO FUNCIONA Por meio de um tubo orotraqueal ou traqueostomia (perfuração da traqueia), joga ar oxigenado nos pulmões, facilitando a eliminação do gás carbônico e a oxigenação do sangue
TEMPO DE USO Até quando for necessário

2.OXIGENADOR DE MEMBRANA EXTRACORPÓREO
Por se tratar de um equipamento de última geração, poucas UTIs têm acesso a este pulmão artificial, recomendável em casos graves de insuficiência respiratória
COMO FUNCIONA A máquina “filtra” o sangue com gás carbônico do doente e faz a troca gasosa, devolvendo sangue já oxigenado para circular pelos órgãos
TEMPO DE USO Entre uma e quatro semanas, exclusivamente em UTI

3.BALÃO INTRA-AÓRTICO
É mais um recurso para a recuperação cardíaca. Em geral, usa-se quando o coração demora a se recuperar de uma cirurgia delicada
COMO FUNCIONA É um balão plugado ao corpo por meio de um cateter na aorta, a maior e mais importante artéria do sistema circulatório. A cada batimento do coração, o tubo se enche e se esvazia de ar, irrigando as veias
TEMPO DE USO Até cinco dias

4.ASSISTÊNCIA VENTRICULAR
Quando a insuficiência cardíaca prejudica o fluxo do sangue para os órgãos, usa-se um coração artificial. Os modelos internos, mais modernos, não têm a mesma capacidade de bombear dos externos, que são mais comuns nas UTIs do país
COMO FUNCIONA O aparelho faz as vezes do coração bombeando sangue para os órgãos. A opção entre dispositivos internos ou externos depende do grau da lesão e do seu potencial de ser revertida
TEMPO DE USO De uma a quatro semanas

  • Corações artificiais geralmente são usados como ponte para o transplante: uma força extra para quem está prestes a receber um novo coração


5.HEMODIÁLISE
Procedimento usado para substituir parte das funções dos rins. Basicamente, o aparelho elimina água do corpo e retira substâncias nocivas quando os rins não produzem urina suficiente. Dessa forma, auxilia na eliminação da ureia e do potássio no organismo
COMO FUNCIONA O sangue passa por um filtro sintético. Por meio de uma membrana ocorre a passagem de substâncias acumuladas, como ureia e eletrólitos (sódio, potássio etc.), que são descartadas
TEMPO DE USO Até quando for necessário

6.DIÁLISE HEPÁTICA
Para substituir parcialmente o funcionamento do fígado, usa-se uma máquina parecida com a de hemodiálise. Ela serve quase exclusivamente como ponte para transplantes de urgência. Ainda é um tratamento experimental, sem comprovação de benefícios
COMO FUNCIONA O sangue e o plasma do paciente passam por uma sequência de filtros com albumina, carvão ativado e resina que retira substâncias acumuladas no organismo devido à insuficiência do fígado
TEMPO DE USO Uma semana

  •  As máquinas da UTI substituem parcialmente a função dos órgãos. Em caso de falência total, não há o que fazer
Veja também

Consultoria Leonardo Jose Rolim Ferraz, médico intensivista do Hospital Israelita Albert Einstein (São Paulo)