Assine SUPER por R$2,00/semana
Continua após publicidade

Quais são os metais mais preciosos que existem?

Platina, ouro, paládio, irídio e prata. “Eles são considerados preciosos porque são raros na natureza e não se oxidam, ou seja, não se deterioram”, explica o engenheiro Claudemiro Bolfarini, da Universidade Federal de São Carlos. A principal razão para o quinteto precioso não se deteriorar facilmente é que platina, ouro, paládio, irídio e prata são […]

Por Marina Motomura
Atualizado em 22 fev 2024, 11h23 - Publicado em 18 abr 2011, 18h35

Platina, ouro, paládio, irídio e prata. “Eles são considerados preciosos porque são raros na natureza e não se oxidam, ou seja, não se deterioram”, explica o engenheiro Claudemiro Bolfarini, da Universidade Federal de São Carlos. A principal razão para o quinteto precioso não se deteriorar facilmente é que platina, ouro, paládio, irídio e prata são encontrados puros na natureza, o que não acontece com metais comuns como o ferro. “O ferro é encontrado na natureza na forma de óxido de ferro. Na indústria, retiram o oxigênio para deixá-lo puro, mas ele acaba se ligando ao oxigênio do ar e assim fica com o aspecto ‘enferrujado’”, diz Claudemiro. Outra característica que distingue os metais preciosos é a maleabilidade: eles podem ser derretidos e assumir formatos variados. Daí a razão porque são usados fartamente nas joalherias. O bronze, apesar de aparecer logo após o ouro e a prata nos quadros de medalhas de competições esportivas, não é precioso – é uma liga metálica de cobre e estanho e custa cerca de 10 reais por quilo. Mais valiosos são o irídio e o paládio. Apesar de pouco conhecidos, também vêm sendo considerados metais preciosos e começam a aparecer mais nos catálogos de joalherias.

Mina de valor
Além de serem usados em jóias, metais preciosos também têm usos industriais

PLATINA

SÍMBOLO – PT

PREÇO – US$ 1 132 por troy*

Continua após a publicidade

USO – Empregado como condutor elétrico, como catalisador e na confecção de material cirúrgico e de laboratório, além de cadinhos (espécie de vaso ultra-resistente) usados em indústrias de vidro

OURO

SÍMBOLO – AU

Continua após a publicidade

PREÇO – US$ 633,1 por troy*

USO – Usado em próteses dentárias, refletores de luz infravermelha, vidros coloridos e até em alguns medicamentos contra o câncer

PRATA

SÍMBOLO – AG

PREÇO – US$ 13,64 por troy*

USO – Usado como material para solda em radiadores de automóveis e em reatores nucleares

Continua após a publicidade

IRÍDIO

SÍMBOLO – IR

PREÇO – US$ 400 por troy*

Continua após a publicidade

USO – Costuma ser misturado a outros metais (principalmente a platina) para formar ligas metálicas mais duras e resistentes

PALÁDIO

SÍMBOLO – PD

Continua após a publicidade

PREÇO – US$ 326 por troy*

USO – Empregado em catalisadores automotivos, aparelhos eletrônicos e em próteses dentárias

*1 troy equivale a 31,1035 gramas e é a unidade internacional usada para medir metais preciosos. Preços fornecidos pelo Departamento Nacional de Produção Mineral do Ministério das Minas e Energia

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

A ciência está mudando. O tempo todo.

Acompanhe por SUPER.

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou

Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Super impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 12,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.