GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

O que faz um barista?

Para fazer um bom expresso, é preciso conhecer a matéria-prima: diferenciar os grãos, entender da torra e saber operar a máquina, adaptando-a ao café.

É uma pessoa especializada em tirar o café expresso da máquina e preparar drinques especiais, combinando-o com frutas ou outras bebidas. Muitas vezes, é o responsável por criar o cardápio de cafés em restaurantes e lugares especializados. Para fazer um bom expresso, o barista precisa conhecer sua matéria-prima, ou seja, diferenciar os grãos e entender da torra, e saber operar a máquina, adaptando-a ao café. “Além disso, é importante conciliar as características do produto ao cliente e à ocasião”, diz a barista Isabela Raposeiras.

Um bom expresso segue algumas regras básicas. O grão deve ser moído na hora ou no máximo 30 minutos antes do preparo, de acordo com Isabela. O creme que se forma no topo também mostra qualidade. Eliana Relvas, do Centro de Preparação do Café, diz que ele deve ter cor de avelã e ser uniforme e espesso: “O creme cobre toda a superfície do café e serve como isolante térmico, mantendo sua temperatura”. Ainda segundo ela, a xícara deve ter fundo ovalado e temperatura de cerca de 40 0 C. Seu tamanho depende da porção de café.

Mas, como o cardápio de um barista vai muito além do expresso puro, é preciso saber fazer as misturas corretas, verdadeiras experiências, que também usam bebidas alcoólicas ,Outro detalhe importante é o leite vaporizado na máquina. Na consistência correta, ele faz a diferença nas variações do café expresso que caíram nas graças do paladar brasileiro, como o capuccino, o mocaccino e o caffè latte.

Figuras cada vez mais freqüentes em bares, cafés e restaurantes, os baristas começaram a se espalhar pelo país durante o boom do expresso, há alguns anos. O famoso “cafezinho” sempre fez parte do dia-a-dia do brasileiro, seja servido com um bolo à tarde ou tomado às pressas de manhã na forma de um pingado na padaria da esquina. Mas foi o expresso que tornou o consumidor nacional mais exigente – para prepará-lo, a matéria-prima precisa ter mais qualidade. Além disso, foi ele que abriu caminho para os cafés, verdadeiros bares especializadas na bebida, que viraram manias nacionais.

Conheça as principais bebidas preparadas com café

CAFEZINHO
Café feito em coador de papel ou pano ou em cafeteiras comuns

PINGADO
Café com leite

CAFÉ EXPRES
Café feito em máquinas que utilizam água sob pressão

CAFFÈ LATTE
1/4 de café, 2/4 de leite, 1/4 de espuma de leite

CARIOCA
Expresso com mais água

CAPPUCCINO
Expresso curto, com leite vaporizado e um pouco de chocolate

CAFFÈ MOCHA OU MOCACCINO
Capuccino com calda de chocolate

CAFFÈ MACCHIATO
Expresso com espuma de leite

LATTE MACCHIATO
Leite vaporizado com um pouco de café expresso

CAFFÈ CORRETO
Expresso com grapa, aguardente típica da Itália

IRISH COFFEE
Café com uísque

CAFFÈ FREDDO
Café gelado (expresso batido com gelo ou servido com gelo)