GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

Você sabia: seus dentes podem envelhecer mais rápido do que o corpo?

Você pode ter 30 anos, mas apresentar um sorriso de alguém de 70! Conheça a marca de produtos bucais que ajuda a combater o desgaste precoce dos dentes

É isso mesmo! Você pode perder esmalte, o tecido que cobre o dente, através da placa bacteriana e de cárie. Mas esse desgaste também pode acontecer por meio de processos não-cariosos, a maioria deles ligados ao nosso estilo de vida. O problema? A perda de esmalte resulta em dentes manchados, trincados e até hipersensibilidade.

Essa perda de esmalte, ou envelhecimento, é algo que acomete cada vez mais gente, independentemente da idade. “Você pode estar na faixa dos 30 anos, mas ter dentes de alguém de 70”, explicou o professor e especialista em odontologia estética, Paulo Vinícius Soares, em evento promovido pela elmex®, na noite de 30 de agosto.

Nessa data, a marca ofereceu um descontraído jantar que reuniu dentistas, profissionais da área de saúde e personalidades, no Museu da Casa Brasileira, em São Paulo. Além de fomentar um importante bate-papo sobre o assunto entre Bianca Naves, nutricionista, Paulo Vinicius Soares, especialista em odontologia estética, e Pedro Andrade, jornalista.

A seguir, conheça os três principais hábitos que contribuem para o envelhecimento dos dentes:

  • Rotina intensa e correria do dia a dia: o estresse causa nervosismo – que reduz o fluxo salivar. A saliva é uma aliada natural do esmalte do dente, mas quando em menor quantidade, deixa de cumprir seu papel remineralizador, deixando o dente vulnerável. Além disso, para manter o ritmo, muitas vezes consumimos café e bebidas energéticas ao longo do dia, que são ácidas para os dentes.
  • Busca por uma vida mais saudável: muitos alimentos que são saudáveis para o corpo, são ácidos para o esmalte do dente: beber água com limão, chá verde e bebidas detox. Além disso, a pressão nos dentes que fazemos durante exercícios físicos e novos hábitos alimentares, como comer de três em três horas e jejum intermitente impactam na saúde dos dentes. O consumo de suplementos e bebidas isotônicas, que repõem os minerais do corpo após esforço físico intenso, também acabam contribuindo para a perda de minerais do dente.
  • Momentos de Indulgência: depois de toda a rotina intensa, as pessoas estão mais suscetíveis a momentos de prazer. A ingestão de bebidas alcoólicas como vinho, gin tônica, e comidas industrializadas, como chocolate e carboidratos, também contribuem para o desgaste do esmalte.

Além de cuidar desses hábitos, buscando uma vida e uma alimentação mais saudável e equilibrada, é importante investir na prevenção, afinal, o esmalte dos dentes é um tecido único que não se regenera. Com fórmula exclusiva e altamente tecnológica, a linha elmex® atua justamente na prevenção e proteção do esmalte contra os impactos do dia a dia, tratando não o sintoma, mas a causa do problema.