GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

Sonda visita o cometa Grigg-Skjellerup

Sonda espacial vai interceptar o cometa Grigg-Skjellerup para tentar enviar informações de seu núcleo à Terra.

Um dos maiores sucessos da astronomia por sondas espaciais nesta década, a pequena Giotto européia levantou vôo novamente. Desta vez para interceptar, com grande sucesso, o cometa Grigg-Skjellerup em meados de julho. Programada para fotografar o núcleo cometário a menos de 1000 quilômetros, a Giotto fez um sobrevôo a apenas 200 quilômetros e obteve dados novos sobre a importante interação entre gases eletrificados do cometa e o vento de partículas que o sol espalha pelo sistema solar. Descoberto em 1902 pelo astrônomo neozelandês John Grigg (Dicionário Enciclopédico de Astronomia e Astronáutica. R. R. Freitas Mourão), o Grigg-Skjellerup está morrendo – vem se mostrando cada vez menos ativo e vistoso. Em 1986, o Giotto obteve, pela primeira vez, imagens reveladoras do núcleo de um cometa, o Halley. Ela saiu com escoriações do encontro, mas, como se vê, pronta para outra.