Atenção: comidas e bebidas não entram - Superinteressante

Atenção: comidas e bebidas não entram

Por que, quando engolimos, a comida não entra na traquéia?

Porque você tem uma porta chamada epiglote, na garganta. “Ela se fecha cada vez que você engole”, diz o otorrinolaringologista Mario Munhoz, da Uni-versidade Federal de São Paulo. Experimente. Engula a saliva. Você não sente que o músculo na base da língua está empurrando sua garganta para trás? Então, esse movimento fecha a porta, tapando a laringe, que dá acesso aos pulmões. Assim, a comida e a bebida só têm um caminho: escorregar pelo esôfago até o estômago. Quando você respira, a epiglote fica aberta, deixando o ar entrar e encher os pulmões (veja infográfico ao lado). Os bebês, porém, conseguem engolir e respirar pelo nariz ao mesmo tempo. “Assim eles podem mamar sem ter que prender o ar”, conta o pediatra Fernando Fer-nandes, da Universidade de Guarulhos. “Crianças novas têm a epiglote mais para cima. Nessa posição, ela empurra a comida para o esôfago sem se engasgar mesmo quando os canais respiratórios estão abertos”, completa.

O porteiro do pulmão

É assim que a epiglote evita que as comidas chegem ao pulmão

 

Para respirar, o ar pega a via mais fácil: a laringe, que fica mais perto e é mais larga.

Laringe (caminho para o pulmão)

 

Na hora de comer, a língua fecha a epiglote que interdita a laringe. Sobra só o esôfago.

Esôfago (caminho para o estômago)

publicidade

anuncie

Super 343 - Maomé - A face oculta do criador do Islã Ele fundou uma nação baseada em direitos trabalhistas e livre mercado. Tinha uma esposa que ganhava mais que ele e emancipou as mulheres. Conheça o verdadeiro homem por trás do Islamismo. Assine a Super Compre a Super

Superinteressante ed. 343
fevereiro/2015

Maomé - A face oculta do criador do Islã
Ele fundou uma nação baseada em direitos trabalhistas e livre mercado. Tinha uma esposa que ganhava mais que ele e emancipou as mulheres. Conheça o verdadeiro homem por trás do Islamismo.

- sumário da edição 343
- folheie a Superinteressante

Você está na área: Alimentação

publicidade

anuncie