Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês
Turma do Fundão Por Blog Grupo de leitores-colaboradores da ME que ajuda a revista sugerindo pautas e alimentando este blog cultural

6 referências históricas em “Jogos Vorazes”

Por turma-do-fundao Atualizado em 4 jul 2018, 20h33 - Publicado em 19 out 2016, 17h35

ME/Mundo Estranho

 

Jogos Vorazes, trilogia de livros de Suzanne Collins, conquistou milhões de leitores desde seu lançamento. A história se passa depois do fim da América do Norte, agora renascida como Panem, uma nação dividida em 12 distritos carentes comandados pelo regime opressor da Capital, que, para demonstrar poder, promove todo ano uma competição transmitida ao vivo pela televisão, na qual um casal de jovens de cada distrito é selecionado e obrigado a lutar até a morte.

A trama é praticamente surreal, mas, por incrível que pareça, se inspira em várias coisas que realmente aconteceram. Confira aqui seis referências históricas escondidas:

1) Panem é referência ao “pão e circo” da Roma antiga

jogosvorazes1

Recobrando algumas aulas de História Antiga, você provavelmente se lembrará de algum professor falando sobre a política do Pão e Circo – “Panem et Circenses”, em latim. Esta conduta adotada pelo governo durante a Roma antiga servia para distrair os cidadãos, a fim de mascarar os problemas políticos e econômicos na época.

O plano era simples: eles construíam arenas que sediavam espetáculos sangrentos, como lutas entre gladiadores e animais ferozes. Os bichos devoravam lutadores que, “coincidentemente”, eram contra alguma coisa pregada pelo Império Romano.

Assim como Gale diz em A Esperança, os Jogos não eram apenas para mostrar poder, mas também para impedir que a população se rebelasse contra a Capital – o mesmo pensamento das autoridades de Roma.

2) As arenas também simulam as de Roma

jogosvorazes2

As próprias arenas de Jogos Vorazes foram inspiradas nas arenas romanas que faziam parte da política do Pão e Circo do tópico anterior. Embora não tivessem a tecnologia de ponta da Capital para construírem os mais diversos cenários para o entretenimento, há relatos de arenas antigas que eram adaptadas para simular ambientes diferentes de combate, como o Anfiteatro de Verona, usado para simulações de batalhas navais (!).

3) O cumprimento do Distrito 12

jogosvorazes3 jogosvorazes4

Responsável pelas cenas mais comoventes dos filmes, o cumprimento do Distrito 12 é um sinal de respeito. Ele é semelhante a um gesto que gregos antigos costumavam fazer para afastar o mal, posicionando três dedos sobre o coração e depois levantando-os para longe do corpo.

Em Jogos Vorazes, o governo vê o gesto como uma afronta, pois as pessoas, ao fazê-lo, demonstram que veem a Capital como um mal, mesmo sem dizê-lo. Sem dúvida uma ofensa com classe.

Continua após a publicidade

4) A Guerra é inspirada em conflitos atuais

jogosvorazes5

Suzanne Collins já declarou ter se inspirado na Guerra do Iraque para as cenas do seu próprio conflito em A Esperança. A violência do combate ajudou a dar um tom realista à trama, enquanto os rebeldes foram inspirados e possuem correlação com as recentes revoluções no Oriente Médio, que derrubaram alguns governos autoritários presentes há mais de 30 anos.

5) O Distrito 12 tem relação com A Grande Depressão

jogosvorazes6

O cenário do Distrito 12 consiste em casebres de madeira velhos, solo batido e ressecado pelos passos dos mineradores, florestas e cercas eletrificadas, além de clássicas roupas puídas secando ao vento. Uma visão miserável de um povo sofrido… E nada surreal.

A inspiração para estas características veio de fotos da Crise de 1929, também conhecida como Grande Depressão, que foi simplesmente a maior crise econômica do século 20, desencadeada pela queda da Bolsa de Valores de Nova York.

Pessoas endividadas passavam fome, vendiam todos os bens e aqueles que haviam usado suas casas como garantia de investimento… Bem, não estavam mais tão garantidos assim. É nesta época de suicídios e grande pobreza que encontramos a inspiração de Suzanne para o Distrito 12.

6) Katniss foi inspirada em Spartacus

jogosvorazes7

A heroína da trilogia foi baseada em ninguém menos que Spartacus, um gladiador nascido na Trácia e líder da famosa Terceira Revolta Servil, que mobilizou um exército rebelde de aproximadamente 40 mil ex-escravos contra o Império Romano.

Vale lembrar que Katniss também foi inspirada na mitologia grega: ela herdou características da deusa Ártemis, mãe da caça e protetora dos animais silvestres, conhecida por sempre carregar seu arco e flecha e ser a portadora de uma mira divinamente precisa.

 

ATUALIZAÇÃO

Você sabia que a Mundo Estranho lançou o seu próprio livro de distopia?

MUNDOS PARALELOS traz contos de dez dos autores mais bombados do Wattpad Brasil e apresenta dez mundos diferentes, com governos totalitários, tecnologias perigosas e muita emoção.

O livro já está nas bancas e custa R$ 34,90. Corre!

Mundos Estranho/Mundo Estranho
Continua após a publicidade
Publicidade