GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

Ciência ao meio-dia

A Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência está dando palestras na Biblioteca Mário de Andrade, em São Paulo, para leigos.

Conhecidos pela pressa com que andam nas calçadas do centro da cidade, os paulistanos têm mais um motivo para apertar o passo na hora do almoço. Assim, ganham tempo para ouvir cientistas de várias instituições de pesquisa falar sobre seus conhecimentos e debater com o público. Os encontros acontecem todas as terças-feiras ao meio-dia, na Biblioteca Municipal Mário de Andrade, e são promovidos pela Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC). “O objetivo é mostrar como a ciência pode ajudar no dia-a-dia das pessoas”, explica a professora Zilda Márcia Iokoi secretária regional da SBPC em São Paulo. Assuntos não faltam para agradar todos os gostos: vão desde crianças de rua, a química do cotidiano, a AIDS e até temas pitorescos, como a influência dos videogames na vida dos adolescentes. Em dezembro, se discutem as causas do envelhecimento e o efeito das drogas no cérebro. Mas o tema que promete esquentar o debate vem da psicologia: o racismo na ciência, no passado e no presente.