GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

Óculos para ver imagem sonora

Pesquisa comprova que os golfinhos têm no crânio sacos de ar que funcionam como uma lente de aumento - só que eles aumentam imagens sonoras, em vez de imagens luminosas

A perícia do golfinho como navegador está sendo estudada no computador capaz de reconstituir os contornos de sua cabeça, a partir de imagens desenhadas por um tomógrafo. A conclusão é que o crânio do animal contém sacos de ar que funcionam como uma espécie de lente de aumento – só que eles ampliam imagens sonoras, em vez de imagens luminosas. A explicação é que o golfinho vê como os morcegos: ele emite ondas sonoras que batem nos objetos e voltam, dando ao animal uma percepção do que está à sua volta. Ou seja, uma imagem sonora – só que os sacos de ar podem focalizar melhor esse retrato. Algo muito sofisticado, dizem pesquisadores da Universidade da Califórnia em Santa Cruz, nos Estados Unidos, autores do estudo. Outra descoberta é que provavelmente o som não é produzido pela laringe, mas por uma região de tecido gorduroso localizada na cabeça. Segundo James Aroyan, coordenador da pesquisa, essa região vibra, talvez como os lábios de um tocador de trompete.