Clique e Assine SUPER por R$ 9,90/mês
Continua após publicidade

Bill Gates em busca da privada perfeita para países pobres

Por Marina Franco
Atualizado em 21 dez 2016, 10h16 - Publicado em 17 ago 2012, 10h01

Uma das últimas empreitadas de Bill Gates, criador da Microsoft, passa longe da ciência da computação. Mas requer muita tecnologia. O empresário busca resolver um dos graves problemas de países ainda em desenvolvimento: a falta de saneamento. Por meio da Fundação Bill & Melinda Gates*, sob sua direção, Bill investe milhões de dólares no desenvolvimento de uma privada inteligente, que supere a falta de infraestrutura de esgoto e abastecimento de água nas regiões mais pobres.

A Fundação lançou o desafio no ano passado: elaborar uma privada que não precise de água encanada nem ligação com redes de esgoto, que não permita poluição das águas de rios e que ainda recicle os dejetos em energia ou fertilizantes. Nesta semana, a instituição promoveu em Seattle a Feira da Reinvenção da Privada, que reuniu 200 inventores, projetistas, designers, investidores e autoridades governamentais.

Foram premiadas três engenhocas. Em primeiro lugar, a invenção do Instituto de Tecnologia da Califórnia (EUA) com sistema de tratamento de água e painel fotovoltaico que abastece tanto a privada como um reator, com a função de transformar a água e o “número 2” em hidrogênio. O que fazer com esse gás? Usar em baterias de combustível que alimentam a privada à noite ou sob baixa luz solar.

Em segundo, ficou a privada inteligente elaborada por grupo de pesquisadores da Universidade Loughborough (Reino Unido) e que, por um processo de decomposição a alta temperatura e sem oxigênio, é capaz de transformar as fezes em carvão biológico. A queima deste carvão alimenta sistema projetado para recuperar minerais e – acredite se quiser! – água, a partir das fezes e da urina.

Continua após a publicidade

Em terceiro lugar venceram os pesquisadores da Universidade de Toronto (Canadá), que empregaram tecnologia de desidratação mecânica com combustão, à baixa temperatura e sem chama, que higieniza o cocô em 24 horas. A urina também é desinfetada com luz ultra-violeta ao passar por um filtro de areia.

Estima-se que 2.5 bilhões de pessoas em todo o munda não fazem suas necessidades em condições seguras. Isso significa quatro em cada dez habitantes. Além disso, 1 bilhão deles defecam à céu aberto. “Além da questão da dignidade humana, esta falta de acesso coloca em risco vidas humanas, cria um peso econômico e sanitário nos países pobres e prejudica o meio ambiente”, afirmou Gate em texto publicado no TheGatesNote.com.

Curtiu? Aproveite para fazer o teste You Don’t Know $h!t About $h!t (em inglês) para medir seu conhecimento sobre privadas e saneamento.

*Fundação Bill & Melinda Gates

Continua após a publicidade

Leia também:
Privada transforma dejetos humanos em eletricidade e fertilizantes
Dinheiro traz felicidade
Bill Gates quer grandes projetos de geoengenharia
Os bilionários do bem

Foto: geoftheref/ Creative Commons

Siga o Planeta Sustentável:

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 9,90/mês*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Super impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 14,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$118,80, equivalente a 9,90/mês.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.