Clique e Assine SUPER por R$ 9,90/mês
Continua após publicidade

O que significa, na prática, a diferença salarial entre homens e mulheres

O Pnad divulgou que, em média, mulheres ganham apenas 74,5% dos salários masculinos. Com isso em mente, separamos os produtos que uma mulher que trabalha o mesmo que um homem pode comprar com seu salário.

Por Felipe Germano Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO
Atualizado em 4 nov 2016, 19h02 - Publicado em 13 nov 2015, 20h30

O IBGE divulgou nesta sexta (13) que mulheres brasileiras recebem, em média 74,5% do salário dos homens – mesmo sendo mais escolarizadas que eles (meninas costumam estudar 8 anos, enquanto a faixa masculina fica em 7,5). Em suma, você, mulher pode trabalhar o mesmo que um homem, mas não vai conseguir comprar as mesmas coisas que ele com o seu salário.

Pensando nisso, separamos alguns produtos com uma diferença aproximada de 25,5%, para mostrar como esse valor é imenso na hora de ir às compras. 

1. Carro

Vamos supor que uma mulher está querendo comprar um carro novo para ir ao trabalho (aquele que lhe paga menos). Aqui comparamos o carro que ela vai poder comprar com aquele que seu colega, homem, compra com o mesmo tempo trabalhado.

Ele, detentor de um incrível cromossomo Y, poderá comprar um Ford Fusion 2,5 Flex e automático modelo 2016 (R.766,00). 

Continua após a publicidade

Se nossa amiga fizer exatamente o mesmo esforço, pelo mesmo tempo, ela ia ter que ficar só olhando para o Fusion do colega, porque com apenas 74,5% do salário ela conseguirá levar, no máximo, um Focus 1,6 do mesmo ano (R$63,502,00). Tsc tsc

2. Refrigerante

Caso a mesma mulher pare no meio do caminho para a concessionária e fique com vontade de tomar algo para se refrescar, ela também não vai poder comprar o mesmo drink que ele. O colega dela poderia tomar uma lata de Coca-Cola por mais ou menos R$2,50, dependendo do lugar por onde passasse. 

Se ela economizasse os 25,5% na bebida, teria que tomar algo por volta dos R$1,80. Como um Dolly, por exemplo  

 

Continua após a publicidade

3. Celular

Na hora de ligar para alguém, o salário também vai fazer diferença. Se um cara estiver a fim de um celular novo, ele pode garantir o novo iPhone 6S de 16 GB (R$3.999,00). 

Continua após a publicidade

Agora, se mantermos essa proporção do salário menor, é melhor não ficar olhando para a prateleira dos lançamentos. Até dá para comprar um iPhone, mas será um modelo de dois anos atrás, um 5s, também de 16 GB (R$2.899,00)

4. Livro

Caso, um homem queira descobrir as diferenças entre os filmes e os livros de Jogos Vorazes, ele vai ter uma vantagem em relação suas amigas. Um box com todos os três livros da série sai por R,40, e ainda vem com um broxe do tordo. 

Continua após a publicidade

Já as meninas vão levar mais tempo para conseguir ler a saga de Katniss. Com um quarto a menos de grana, elas só conseguiriam comprar um livro por vez mesmo (R$30,61).

5. Games

No mundo digital a coisa não é mais fácil. O homem que pedir um videogame novo para Papai Noel, pode desembolsar perto dos R$2.000,00 para colocar um PlayStation 4 debaixo da árvore. 

As meninas que quiserem jogar vão ter que ficar na geração antiga. Se você tirar 25,5% da renda, para mantermos a mesma proporção, ela poderá comprar só um PlayStation 3 mesmo, em uma brincadeira de R$1200,00

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 9,90/mês*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Super impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 14,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$118,80, equivalente a 9,90/mês.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.