GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

A ciência, de Galileu a Dolly

Quem foi o primeiro cientista?

De certa forma, o homem faz ciência desde que existe. Da invenção da roda aos filósofos gregos, a busca do conhecimento acompanha há milênios a trajetória humana sobre a Terra. Mas a ciência, como a entendemos hoje, é mais recente. Ela pressupõe um método, baseado na experimentação. Seu fundador foi um italiano, Galileu Galilei. Há quase 400 anos, Galileu colocou à prova a idéia de que os corpos mais pesados caem mais depressa que os mais leves. Fez, então, a célebre experiência com duas bolas rolando por um plano inclinado. Descobriu que, qualquer que fosse o peso de cada uma das bolas, elas se moviam à mesma velocidade. Desde então, a maneira de ver o mundo nunca mais seria a mesma. Só é verdade aquilo que pode ser comprovado.

Na trilha de Galileu, os pesquisadores vêm lançando luz onde antes reinavam as trevas. Charles Darwin desafiou os dogmas religiosos com a revolucionária Teoria da Evolução das Espécies. Louis Pasteur descobriu a natureza das doenças, causadas, na sua maioria, pela ação das bactérias.

Abriu, assim, o caminho para curá-las. Albert Einstein, com a Teoria da Relatividade, tornou possível a exploração do espaço e o domínio, para o bem e para o mal, de uma nova e poderosa fonte de energia: o átomo.

A trajetória desses quatro séculos de ciência, que a SUPER registra neste pôster, mostra os alicerces da atual era de prodígios tecnológicos.

Nada caiu do céu. Cada passo no conhecimento pavimenta o caminho para novas gerações de pesquisadores. Das experiências de Galileu à clonagem de Dolly. Neste 10º aniversário da SUPER, prestamos uma homenagem aos mestres da ciência e contamos sua contribuição para o conhecimento humano.

Um legado de audácia intelectual e rigor investigativo que nega, na sua essência, as crendices, a magia, as superstições antigas e atuais. Na vida real, ninguém tira ovelhas da cartola.