Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Como se joga golfe?

Para chegar ao alvo, é preciso escolher os tacos certos e superar obstáculos naturais.

Por Giba Stam Atualizado em 4 jul 2018, 20h12 - Publicado em 18 abr 2011, 18h53

golf golf

O objetivo básico do esporte é acertar a bolinha em todos os 18 buracos do campo com o menor número de tacadas possível. Ninguém sabe ao certo como esse refinado jogo surgiu. A principal pista aponta para uma versão primitiva praticada no Império Romano, a paganica, em que se usava uma vara para encaçapar uma bola de lã. Já o golfe moderno só apareceria no século 15, na Escócia, de onde se espalhou para o resto da Europa. Nos circuitos profissionais de hoje, a contagem do placar é feita com base em um índice chamado par, que mostra o número de tacadas previstas para levar a bolinha até cada buraco do campo. Quando se diz que um buraco tem par 3, por exemplo, significa que geralmente são necessárias três tacadas até encaçapar a bolinha.

A soma do par dos buracos dá o par do campo, ou seja, a média de tacadas para completar o circuito. “Além de ser uma referência para o jogador, o par facilita na hora de comparar o desempenho de esportistas que estão em buracos diferentes”, diz o golfista Roberto Gomes, campeão brasileiro e sul-americano. Os jogadores costumam praticar o esporte acompanhado de seu caddie, um auxiliar particular de fundamental importância, pois, além de carregar os tacos, ele dá dicas sobre a melhor estratégia para superar cada buraco. No total, cerca de 30 regras regem situações específicas do esporte – como o jogador que acerta a bola de outro e é punido com duas tacadas. Entretanto, algumas modalidades são disputadas com regulamentos diferentes. No jogo em equipes, por exemplo, só se considera o número de tacadas do jogador com o melhor desempenho em cada buraco.

LEIA MAIS

– Como se joga rúgbi?

– Como se joga futebol americano?

 

Há três tipos principais de tacos: o primeiro é o de madeira ou carbono, que tem extremidade larga para lançar a bola a longas distâncias. O segundo é de ferro, usado em tacadas de aproximação ao buraco. O terceiro é o chamado putter, mais fino e de metal leve, utilizado para batidas de precisão, já bem perto do alvo

TAREFA DIFÍCIL

O buraco tem apenas 10,8 centímetros de diâmetro, contra os 4,2 centímetros de diâmetro da bolinha, que pesa 45 gramas. A distância, uma bandeira ajuda a visualizar a posição do alvo em campo. Porém, quando o golfista está prestes a encaçapar, ela é retirada para não atrapalhar a jogada

ETIQUETA RÍGIDA

O golfe não exige uniforme específico, mas a boa etiqueta veta o uso de shorts e camisetas regatas. O kit básico inclui roupas folgadas para facilitar a movimentação, sapatos com travas para fixar os pés no terreno e boné para proteger do sol

DESVIO NATURAL

Em alguns buracos, pequenas florestas estrategicamente posicionadas criam uma curva entre o ponto de partida e o alvo final. Esse obstáculo força a mudança de direção, aumentando a dificuldade de se atingir o buraco com uma única tacada

TRILHA SEGURA

A rota mais fácil para se chegar ao buraco é chamada de fairway (“o bom caminho”, em inglês), onde a grama aparada não atrapalha as tacadas. A jogada fica bem mais difícil se a bolinha cair no rough (“áspero”), uma região de terreno irregular e grama alta, geralmente nas laterais do fairway

Continua após a publicidade

TAPETE VERDE

O buraco fica posicionado no green (“verde”), uma área com grama perfeitamente cortada. Com base na distância entre o ponto de partida e o green, calcula-se o par, o índice com o número médio de tacadas para se atingir o buraco. Nos buracos de par 3, a distância é de menos de 228 metros; no par 4, entre 228 e 430 metros; no par 5, mais de 430 metros

IMPULSO VOADOR

A tacada inicial de cada buraco exige um grande swing, movimento de corpo que faz o taco lançar a bolinha a mais de 200 metros. Primeiro, os golfistas ajustam a posição do corpo e do taco, para decidir a direção correta. Depois, concentram-se na força da tacada, para determinar que distância deve percorrer a bolinha

INÍCIO DE JOGO

No imenso campo, que pode ocupar até mil quilômetros quadrados, cada buraco tem um ponto de partida diferente, chamado de tee, mesmo nome dado ao pino de plástico ou madeira que posiciona a bola para o movimento inicial. O tee fica em um espaço retangular de grama aparada

ÁGUA NOS PLANOS

Outro obstáculo difícil de ser transposto são os rios e lagos que cortam o campo de golfe. Se a bolinha cair na água, a jogada recomeça na margem, mas o jogador é penalizado com uma tacada a mais em seu placar

ARMADILHA TRAIÇOEIRA

Em muitos buracos, tanques de areia são posicionados perto do green para atrapalhar a vida de quem está prestes a acertar o alvo. Na areia, o maior desafio é atingir a bolinha sem que o taco encoste no solo primeiro, o que desvia totalmente a direção da batida

DECISÃO IMPORTANTE

Mergulhe nessaNa livraria:

Golfe – Dicas e Segredos – Jaime Bernardes, Editorial Nórdica, 2001

Na internet:

http://www.cbg.com.br

http://sportsillustrated.cnn.com/golfonline/rules/rulebyrule

Continua após a publicidade
Publicidade