GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

Fazer musculação pode tornar você mais resistente ao frio

Ao ganhar massa magra, seu corpo aumenta a capacidade de gerar calor – e te mantém quentinho.

Você já se perguntou por que trememos quando sentimos frio? Esse é um mecanismo de defesa do nosso organismo contra as baixas temperaturas. Quando os músculos tremem, eles intensificam a produção de calor, para tentar manter o seu corpo na temperatura padrão de 36,5ºC. Isso, é claro, não te impede de morrer de hipotermia. Chega uma hora que os músculos ficam fatigados. Daí a importância de que a tremedeira sirva como sinal para vestir um casaco, uma luva, um cachecol…

Existe, porém, outro recurso em que você pode apostar se quiser se tornar mais resistente ao frio (e ele vale independentemente da época do ano): a atividade física, principalmente os treinos de força, como a musculação.

Segundo um estudo publicado recentemente no periódico The Journal of Physiology, ao aumentar a massa muscular, os exercícios preparam o corpo para se manter aquecido por mais tempo. A fadiga demora mais para chegar – o que quer dizer que, se jogarmos duas pessoas no Everest sem casaco, a mais musculosa possivelmente sobreviveria por um prazo maior.

Na pesquisa, cientistas das universidades de Guelph (Canadá) e de Copenhagen (Dinamarca) colocaram dois grupos de ratos do sexo masculino para passar frio. Um dos grupos corria em rodinhas durante a exposição a baixas temperaturas. O outro permanecia sedentário durante esse “inverno artificial”.

Toda a saúde dos bichos era monitorada – de peso e alimentação, até níveis de glicose, massa muscular e taxa de gordura. A sua temperatura corporal também era constantemente medida.

A constatação do estudo foi que os animais ativos se saíram melhor em manter o corpo quentinho. Eles conseguiam usar a tremedeira dos músculos como fonte de calor por mais tempo. Aí perderam pouco peso e permaneceram saudáveis em geral.

Já os sedentários tiveram sua temperatura corporal mais afetada pelo ambiente – o que quer dizer que, na prática, eles já estavam mostrando um início de hipotermia. Isso porque o organismo vai fazer todo possível para manter sua temperatura estável. E vai usar toda a energia disponível para isso, seja a da tremedeira dos músculos, seja a dos estoques energéticos do organismo – também conhecidos como gordura.

Como os ratos menos atléticos não tinham tanta massa muscular para dar conta do frio “trincando”, eles convertiam a gordura do corpo em energia para manter o calor interno. Se você tem um pneuzinho, pode estar achando que seria uma boa ideia – mas o objetivo do organismo é manter seu corpo funcionando. Esses estoques de gordura eram fundos de garantia que só foram ativados perante um estado de “urgência” causado pelo frio.

Veja também

De acordo com David C. Wright, que participou do estudo, os próximos passos são investigar se os efeitos se repetem em ratos fêmeas e também se a obesidade interfere nesse processo. De qualquer forma, esse é mais um indício de que você deve vencer a preguiça e ir à academia – o resultado vai muito além de um corpinho bonito. E pode te tirar de uma fria (literalmente).

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Muito bom o artigo, sempre busco novas dicas por aqui! Um forte abraço da equipe ganharmassamuscular.net e GMM Suplementos

    Curtir