GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

Quanto mais profunda, mais grave a queimadura

O que significa dizer que uma queimadura é de primeiro, segundo, terceiro ou quarto grau?

Significa a gravidade, a profundidade atingida pelo ferimento. Quanto mais profunda, maior o estrago. A de primeiro grau é superficial e causa vermelhidão, porque os vasos que irrigam a superfície da pele ficam dilatados. Acontece geralmente quando tomamos muito sol. A de segundo grau é um pouco mais funda. Os vasos se dilatam mais e parte do líquido que está dentro dele escapa, provocando bolhas. Um pouco de água ou gordura fervendo sobre a pele pode causar esse tipo de queimadura. Na de terceiro grau, parte do tecido é destruído e a queimadura atinge a camada de gordura que fica logo abaixo da pele (veja infográfico ao lado).

Há ainda queimaduras de quarto grau, que atingem até os ossos. É o que acontece em grandes incêndios e explosões. A vítima fica carbonizada. “A gravidade de uma queimadura não depende apenas da profundidade, mas também da extensão”, explica o dermatologista Luiz Carlos Cucè, do Hospital das Clínicas de São Paulo. Uma de segundo grau que atinge o corpo todo pode ser muito mais séria do que uma de terceiro localizada na mão.

O tamanho do estrago

O grau da queimadura é determinado pelas camadas de pele atingidas.

Primeiro grau

Os vasos sangüíneos que irrigam a superfície se dilatam, deixando a pele fica vermelha.

Segundo grau

Com a dilatação, uma parte do líquido transparente de dentro dos vasos trasnborda e forma bolhas.

Terceiro grau

A lesão é mais grave e provoca a destruição de parte da pele. A queimadura atinge o tecido adiposo.

Quarto grau

É muito grave, atingindo quase toda a pele e destruindo até os ossos.