GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

Perfume de cometa tem cheiro de xixi de gato

A fragrância é contraindicada para ocasiões especiais: a essência tem notas de ovos podres e xixi de gato

Imagine poder usar todos os dias um perfume espacial, cheirar à cometa. Pois é exatamente isso que cientistas britânicos criaram: uma fragrância idêntica à superfície de um cometa.

Infelizmente, a ideia de se perfumar com uma essência cósmica não passa de perfumaria. O cheiro não é amadeirado, cítrico, nem adocicado, é terrível – lembra ovos podres, xixi de gato e amêndoas amargas.

O perfume foi inspirado nos componentes da superfície do cometa 67P/ Churyumov-Gerasimenko onde a missão espacial Rosetta aterrizou em novembro de 2014. A razão para a fragrância ser tão malcheirosa é pela presença de amônia, cianeto de hidrogênio e sulfeto de hidrogênio. Como essas substâncias são venenosas, os pesquisadores tiveram que recriá-las sinteticamente para poder colocá-las em vidrinhos e borrifar em humanos em segurança.

Asteroide ou cometa: A trombada espacial

A essência estratosférica foi encomendada à empresa The Aroma Company pelo cientista Colin Snodgrass, da Open University, que coordenou estudos relacionados à missão Rosetta. As amostras do perfume serão distribuídas na exposição de verão da Royal Society, que começa na próxima semana em Londres. Quem estiver disposto a visitar a exposição, recomendamos levar máscaras de oxigênio.

Mas a ousadia do perfume cósmico vai mais longe: Colin Snodgrass quer empestear cartões postais com a fragrância e enviá-los aos quatro cantos do planeta para que o maior número possível de seres humanos possa sentir o quão podre é o cheiro do nosso sistema solar. De sádico e louco, todo mundo tem um pouco.