GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

Como funciona a identificação por impressões digitais?

Como funciona a identificação por impressões digitais?
Ricardo Rooswell, João Pessoa, PB

São três os padrões das ranhuras, definidos por duas estruturas: delta e núcleo.

(Caio Gomez/Superinteressante)

Na formação de arcos, não há delta nem núcleo.

A presença de apenas um delta forma as curvas diagonais da presilha.

Dois deltas e um núcleo formam o redemoinho do verticílio.

Além da padronagem é importante analisar as irregularidades nas linhas. As minúcias permitem verificar a compatibilidade entre impressões.

 

Fontes: Antônio Maciel, presidente da Federação Nacional dos Profissionais em Papiloscopia e Identificação (FENAPPI), e livro Suspect Identities: A History of Fingerprinting and Criminal Identification, de Simon A. Cole.

Post anterior: Fazer lobby é crime?

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s