Clique e Assine SUPER por R$ 9,90/mês
Continua após publicidade

Mapa interativo permite ver como será o clima na sua cidade em 2080

Santa Catarina deve virar Rio de Janeiro, e o Rio Grande do Sul terá clima de São Paulo. Veja as previsões das mudanças climáticas no Brasil.

Por Isabela Lobato
11 jul 2024, 12h00

Cientistas preveem que mais da metade do planeta sofrerá mudanças climáticas até o final do século, incluindo tempestades extremas, inundações, incêndios, secas e ondas de calor e frio. O ecologista espacial da Universidade de Maryland, Matthew Fitzpatrick, criou um mapa interativo que especula o cenário climático de mais de 40 mil cidades em todo o mundo no ano de 2080.  Os dados considera que iremos seguir as tendências de emissões atuais, sem mudanças drásticas.

Usando dados do Painel Intergovernamental sobre Mudanças Climáticas (IPCC), o mapa permite que as pessoas explorem como o clima de suas cidades será afetado, e quais as previsões para daqui 60 anos. Funciona assim: você seleciona uma cidade, e o mapa te mostra quais são as mudanças esperadas. Além disso, ele ainda mostra a qual cidade e clima atual a sua cidade deve se assemelhar no futuro.

Por exemplo: se você vive em Joinville (Santa Catarina) e quiser sentir hoje como será o clima na sua cidade em 2080, basta viajar para Itaboraí (Rio de Janeiro). Joinville deve ficar cerca de 3,5ºC mais quente, além de ficar mais úmida. O mapa resume: “condições climáticas semelhantes a de Joinville de 2080 podem ser encontradas hoje em Itaboraí, no Rio de Janeiro”.

As mudanças climáticas devem levar os locais a terem climas cada vez mais quentes e úmidos, semelhantes aos encontrados na região da linha do equador. Cerca de 40% da população global vive nessas regiões equatoriais – que podem se tornar inabitáveis ainda neste século.

Continua após a publicidade

Para grande parte das cidades das regiões Norte e Nordeste do Brasil, o mapa sequer consegue indicar um lugar com clima semelhante. Para Salvador, Natal e Belém, por exemplo, o programa exibe a seguinte mensagem: “Não foram encontrados análogos climáticos. Espera-se que o clima futuro para esse local seja diferente de qualquer coisa encontrada atualmente em qualquer lugar da Terra, portanto, não há correspondências climáticas para esse local.”

Outro exemplo: condições climáticas semelhantes a de Porto Seguro (Bahia) de 2080 podem ser encontradas hoje em Coro (Venezuela). Essa é uma das cidades mais ao norte da América do Sul, e os seus dias mais frescos do ano ficam entre 25ºC e 32ºC.

Quem gosta do verão de Porto Seguro de hoje precisará passar as férias de 2080 a aproximadamente 1.500 quilômetros ao sul. Condições de praia semelhantes serão encontradas em Caraguatatuba (São Paulo). Já a cidade de Capão da Canoa (Rio Grande do Sul) em 2080 deve ter clima semelhante ao que é encontrado hoje no Guarujá, em São Paulo.

Com as temperaturas ultrapassando os extremos previstos no ano passado, e sem sinais de que os governos e as indústrias estejam colocando um freio significativo nas emissões de combustíveis fósseis que causam o problema, é cada vez mais provável que venhamos a enfrentar os cenários mais extremos descritos no mapa.

Continua após a publicidade

O mapa também permite visualizar um cenário em que tomamos atitudes rápidas de contenção de danos das mudanças climáticas, embora ainda acima dos níveis estabelecidos no Acordo de Paris. Para visualizar essa versão alternativa, é necessário clicar na aba “Settings” no canto superior esquerdo e selecionar “What if we reduce emissions?”.

“Espero que ele continue a informar a conversa sobre as mudanças climáticas”, diz Fitzpatrick. “Espero que ajude as pessoas a entender melhor a magnitude dos impactos e por que os cientistas estão tão preocupados.”

Você pode conferir o mapa clicando aqui.

Compartilhe essa matéria via:
Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 9,90/mês*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Super impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 14,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$118,80, equivalente a 9,90/mês.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.