Assine SUPER por R$2,00/semana
Imagem Blog

Oráculo Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO

Por aquele cara de Delfos
Ser supremo detentor de toda a sabedoria. Envie sua pergunta pelo inbox do Instagram ou para o e-mail maria.costa@abril.com.br.
Continua após publicidade

Existe um fenômeno equivalente ao El Niño que ocorra no hemisfério norte?

Sim: El Niño. Apesar da associação cultural com o sul, ele ocorre bem na linha do Equador, e afeta igualmente os dois hemisférios da Terra.

Por Bruno Vaiano Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO
Atualizado em 20 jun 2023, 16h51 - Publicado em 15 jun 2023, 17h48

Sim: El Niño. Ele afeta os dois hemisférios, porque é uma mudança nos ventos ao longo do Equador, que divide o planeta ao meio. Normalmente, tais ventos sopram no sentido leste-oeste, empurrando água quente da superfície do Pacífico para a Ásia, o que esfria as praias do Peru e do Equador.

Quando esses ventos enfraquecem ou se invertem – o El Niño – a água quentinha fica no lado latino do mapa, e isso gera uma reação em cadeia: chove mais no sul dos EUA e menos na Amazônia, a Austrália esquenta (mais) e a Sibéria esfria (mais). O La Niña é o contrário: ocorre quando esses ventos ficam extra fortes, e as águas por aqui, extra frias.

A associação entre El Niño e o sul é cultural: o Equador cruza a América do Sul, e foram pescadores hispânicos que batizaram o aquecimento das águas do litoral latino, perceptível no Natal, em referência ao niño Jesus. O meteorologista Gilbert Walker, que chamou O Menino de “Oscilação Sul” nos anos 1920, ajudou. 

Walker não sabia, em princípio, se tratar do mesmo fenômeno descrito pelos peruanos e equatorianos. Ele percebeu a inversão dos ventos na outra ponta, a asiática, estudando as monções na Índia (que, na época, era uma colônia britânica). Atualmente, os acadêmicos se referem ao fenômeno como ENOS, as letras iniciais de El Niño-Oscilação Sul.

Continua após a publicidade

Faz sentido, porém, pensar em fenômenos meteorológicos simétricos: os que afetam a Terra em outras latitudes, mais altas que o Equador, geralmente acontecem em versões espelhadas nos hemisférios norte e sul. Para entender melhor, leia este outro Oráculo.

Pergunta de @veiguinhaboy, via Instagram.

Fonte: Fábio Marin, do Dep. de Engenharia de Biossistemas da Esalq, USP; NOAA.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

A ciência está mudando. O tempo todo.

Acompanhe por SUPER.

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou

Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Super impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 12,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.