GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

Como funcionam os silenciadores?

(Mozart William Almeida, Caruaru, PE)

Trata-se basicamente de um abafador de ruídos, encaixado no cano das armas de fogo para bloquear a propagação das ondas sonoras quando um projétil é disparado. O material utilizado varia conforme o modelo mas o princípio é o mesmo. O comprimento do silenciador também independe do tamanho da arma: gira em torno de 20 a 30 centímetros, tanto para fuzis quanto para pistolas. A medida é suficiente para absorver o ar que conduziria o som para fora do cano. “Essa tecnologia até melhora a performance da munição, pois enquanto a bala está passando pelo silenciador está livre de fatores externos que podem desviar seu percurso ou diminuir sua velocidade, como a água e o ar”, afirma o coronel Lauro Pereira Dias, do Exército brasileiro, engenheiro químico e chefe do Serviço de Fiscalização de Produtos Controlados do quartel-general do Comando Militar do Sudeste, em São Paulo.

Boca-de-siri

Existem três tipos de silenciador para as armas de fogo

Feito de aço maciço, este modelo tem seu interior perfurado como uma peneira. O som do disparo se propagaria pela compressão do ar – só que este acaba saindo pelos furinhos, emudecendo o tiro

Também de aço maciço, esta variação possui, a cada 5 milímetros, pequenos tubos perpendiculares. Eles funcionam igualmente como saídas alternativas para o ar, impedindo-o de transmitir as ondas sonoras

Apenas revestido de metal, este silenciador é recheado com espuma de fibra de vidro (tradicional isolante acústico) ou esponja de aço. Já o tubo interno é feito de anéis de borracha ou couro animal, sempre com um espaço de 1 milímetro entre eles. O ar escapa por esses intervalos e é absorvido pela espuma ou esponja