GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

Como sair do armário

Assumir que gosta de pessoas do mesmo sexo é uma das coisas mais difíceis e importantes que alguém pode enfrentar. Não há regras nem passos obrigatórios, mas especialistas dão sugestões.

1. Faça isso por você, não pelos outros

A revelação deve vir porque você quer se sentir mais verdadeiro consigo mesmo, não porque você acha que tem alguma obrigação com outra pessoa. Se você considerar que é o caso, pode procurar ajuda profissional: há grupos de apoio e terapeutas que ajudam a definir a estratégia mais adequada e o momento mais oportuno.

2. Pense em quem vai ouvir

Conte primeiro para alguém bem próximo e sem preconceitos. Essa pessoa serve inclusive para você ensaiar a conversa que terá com interlocutores menos receptivos.

3. Prepare-se para ouvir

Não há garantia de que todos vão reagir bem. Prepare-se para enfrentar estranhamento, decepção e até o fim de algumas amizades (mas convenhamos: se alguém acaba uma amizade por isso, você provavelmente está melhor sem essa relação). Tente ser compreensivo e mantenha a calma. Mas lembre-se: não há nada de errado ou incomum em não ser heterossexual.

4. Dê tempo aos outros

Você provavelmente precisou de um período para se aceitar. Pode ser que outras pessoas para quem você vai contar também precisem processar essa informação aos poucos. Tenha paciência.

5. Continue sendo quem é

Quem se assume não precisa mudar seu jeito de ser, suas roupas, seu modo de falar ou lugares que frequenta. “Cada pessoa é única em seu jeito de ser”, diz a psicóloga Janaína Leslão.

Fontes Janaína Leslão, psicóloga, e Klecius Borges, psicoterapeuta dedicado ao atendimento a gays, lésbicas, bissexuais e seus familiares.