Clique e assine com até 75% de desconto

Desenhos escondidos

Por Da Redação Atualizado em 31 out 2016, 18h51 - Publicado em 22 jul 2009, 22h00

Quem visitar o Museu Van Gogh, em Amsterdã, na Holanda, poderá apreciar uma curiosa exposição: as paredes do andar térreo estão decoradas com nada menos de dezenove imagens de raios X. Todas revelam desenhos ocultos sob famosas pinturas do mestre holandês. Há pouco mais de dois meses, os cientistas concluíram a tarefa encomendada por um grupo de historiadores da arte – radiografar as obras de Van Gogh espalhadas em Amsterdã, Paris e Antuérpia. Foi um total de 130 quadros examinados.
Em dezenove deles apareceram desenhos feitos em grafite completamente diferentes das pinturas que estão na tela.. Ora, é comum a chapa de raio X apontar esboços sob obras de pintores do passado. No entanto, o que se encontrou sob as pinceladas de Van Gogh não eram esboços, mas desenhos bem acabados. O que confirma a tese de alguns historiadores de que Van Gogh (1853-1890) teria iniciado a sua carreira como desenhista. Só a partir do final de 1883, passaria a ser pintor, aprendendo a lidar com o colorido das tintas.

Publicidade