GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

Naipes, números e palavras

Graphos - jogo para três a seis participantes, produzido pela Grow Jogos e Brinquedos S.A.

Quem não agüenta mais jogar buraco e, além disso, não consegue convencer os amigos a experimentar outros jogos, acaba de ganhar um importante argumento para fazê-los mudar de opinião: está de volta o Graphos, capaz de agradar tanto aos amantes das canastras, quanto àqueles que apreciam os jogos de formação de palavras. 

Lançado nos Estados Unidos há mais de vinte anos pela companhia 3M, ele tinha o nome de Tryce e uma aparência muito diferente da versão brasileira. Imediatamente, ganhou a simpatia mundial dos colecionadores de jogos de raciocínio. Mais tarde, no início dos anos 80, foi produzido pela Groe com algumas melhorias e agora, já na maioridade, retorna com novas tintas e novo formato, mas com asimples e boa aparência de sempre. 

Graphos é uma espécie de cruzamento entre os jogos de cartas de família rummy (de que o buraco, a canastra e o pif-paf são exemplos) com o jogo de anagramas, em que os participantes vão sorteando letras, formando e modificando palavras. As cartas são divididas em quatro “naipes”, caracterizados por cores diferentes, e cada uma tem um número e uma letra. Assim, além das sequências (cartas seguidas, do mesmo naipe) e dos grupos (cartas de mesmo número, que os jogadores de buraco costumam chamar de “lavadeiras”), os competidores tem de formar palavras. Isso aumenta muito o dinamismo do jogo e a agilidade necessária para vencê-lo, já que a possibilidade de combinação das cartas é enormemente incrementada. Aquele velho parceiro de buraco que fica cochilando sobre as cartas não tem aqui, definitivamente, a menor chance. 

Uma partida de Graphos consta de sete mãos, cada qual com um objetivo específico. Por exemplo, na primeira, tem-se que formar um grupo e uma palavra; na segunda, uma sequência e uma palavra; na terceira, um grupo, uma sequência e uma palavra; na última quatro palavras. Os prêmios pelas partidas também aumentam no decorrer das mãos, o que mantém um bom nível de expectativa até o final. 

Um único fato a lamentar: a nova versão eliminou a tabela com marcador, que era cômoda para informar qual a mão em jogo, seus requisitos e pontuação.