GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

Por que agosto tem má fama?

Herdamos a tradição dos nossos colonizadores portugueses. No século 16, época das grandes navegações, era nesse mês que as caravelas iam ao mar. Assim, as namoradas dos navegadores nunca casavam em agosto já que, além de não poder desfrutar da lua-de-mel, poderiam passar rapidamente da condição de recém-casadas para a de viúvas. Segundo o escritor Mário Souto Maior, a tradição se consagrou com a frase “casar em agosto traz desgosto”, que foi resumida para nossa conhecida “agosto, mês do desgosto”.

A fama de mês agourento cresceu no século 20, graças a acontecimentos como o suicídio de Getulio Vargas, (24/8/1954), e a renúncia de Jânio (25/8/1961). Mas a má fama de agosto não é exclusividade da cultura luso-brasileira.

Os romanos, no século 1, acreditavam que um dragão passeava pelo céu noturno em agosto (mês, aliás, batizado por eles em homenagem ao imperador Augusto). O monstro nada mais era do que a constelação de Leão, mais visível nessa época do ano.

 

Mera coincidência?

Desastres do século 20 endossam afama de agosto

Desastre: Início da Primeira Guerra Mundial

Data: 1º de agosto de 1914

Desastre: Destruição de Hiroshima por uma bomba atômica

Data: 6 de agosto de 1945

Desastre: Início da construção do Muro de Berlim

Data: 13 de agosto de 1961

Desastre: Morte de Marilyn Monroe

Data: 5 de agosto de 1962