Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês

Dúvidas para seus ouvidos

Acústica, relógios, canibalismo: nada escapa à curiosidade dos leitores

Por Da Redação Atualizado em 31 out 2016, 19h02 - Publicado em 24 jun 2010, 22h00

Fones de ouvido têm indicação de lado direito e esquerdo. Faz diferença?
WALLACY WAGNER, Abreu e Lima, PE

Antes de tudo, parabéns a você e aos outros 9 265 abreu-limenses pelo privilégio de habitarem um município cujo nome contém uma conjunção coordenada aditiva. Quanto à sua pergunta: dependendo do formato do fone, pode até ser desconfortável, mas, para ouvir música, não faz diferença alguma. Como explica o coordenador do Centro de Estudos da Fala, Acústica, Linguagem e Música na UFMG, Hani Yehia, o som é gravado por dois microfones para ser reproduzido em dois fones (ou caixas de som), mas tanto faz ouvir o som captado pelo microfone direito no ouvido esquerdo ou vice-versa: a experiência será idêntica. Para assistir vídeos, no entanto, é importante pôr o R (right) e o L (left) em sua devida orelha. Em filmes e seriados, muitas vezes a intenção é que você associe o som a pontos específicos da tela. Sério, dão até Oscars para isso, faz diferença.

Por que o gelo fica grudento?
JULIANA MARINHO, Pinheiro, MA

Juliana, às vezes, a solução do problema está em nós mesmos. Não é o gelo que é grudento: são as gotículas de suor de nossas mãos que, em contato com o gelo, dão um efeito de grude. Seque bem as mãos antes de pegar no gelo e tudo vai dar certo.

Não consigo escovar meus dentes com outra escova que não seja a dura. Me parece que, se for com uma escova macia, meus dentes não estão limpos. Faz sentido?
ALESSANDRA, Carambeí, PR

Continua após a publicidade

Nem precisava ter omitido seu sobrenome, Alessandra: tem sentido, sim. O que não significa que escova macia seja ruim, apenas que a dura é a mais adequada para você – ela pode ser a ideal para quem tem gengivas sensíveis. O presidente da Associação Brasileira de Odontologia, Newton Carvalho, explica que escolher a escova é tão sério quanto, bem, escolher uma pomada: “As pessoas vão ao dermatologista para saber qual o seu tipo de pele e qual creme será mais eficaz. Vale o mesmo para gengivas e a escova de dentes”.

Qual o significado e a origem das siglas a.m. e p.m. dos relógios dos EUA?
GABRIEL BRITO, Salvador, BA

Não creia nesses lacaios do imperialismo ianque que afirmam ser after midnight e pre-midnight. As siglas a.m. e p.m. são do latim, respectivamente de ante meridiem (“antes do meio-dia”) e post meridiem (após o meio-dia), termos que vêm (supresa) da Roma antiga. Algumas fontes dizem que os romanos contavam as horas entre meia-noite e meio-dia de forma invertida. A nossa 1 da manhã eles chamavam de 11 a.m., 2 da manhã de 10 a.m. e assim por diante, até chegar a 1 a.m. (uma hora antes do meio-dia), nossas 11 horas. E os outros eram bárbaros…

Estava a observar as vacas e cheguei a esta dúvida: como deveríamos tratar um humano se quiséssemos fazer dele um churrasco? Como seria a “pecuária humana”?
DAVID J. E. KLIEMANN, Planalto, RS

Por termos o mesmo tipo de fibra muscular que os bovinos, é provável que fôssemos tratados como eles, palpita, constrangido, Rafael Babtista, professor de fisiologia da PUC-RS. Como o sedentarismo resultaria em excesso de gordura e muito exercício deixaria a carne dura, o ideal seria criar humanos em campo aberto, onde a busca por pasto e sombra obriga a um exercício leve e contínuo. No açougue, seria melhor evitar coxas e bíceps, propensos a músculos, e dar preferência a cortes do abdômen e das costas. Pressionado, Baptista arrisca que a parte interna da nossa coxa seria a picanha humana. Beleza, David? Só não nos convide para o churrasco.

Continua após a publicidade
Publicidade