Clique e Assine SUPER por R$ 9,90/mês
Continua após publicidade

Hugo e Nebula: conheça os maiores prêmios de literatura Sci-Fi

Considerados o “Oscar” da literatura de ficção científica e fantasia, conheça os prêmios que consagraram "O Problema dos Três Corpos".

Por Caio César Pereira
20 mar 2024, 19h29

Na próxima quinta-feira (21), estreia na Netflix a série O Problema dos 3 Corpos, nova adaptação do livro homônimo do escritor chinês Cixin Liu. O romance de ficção científica publicado em 2008 se tornou um dos grandes clássicos modernos do gênero, sendo vencedor do prêmio Hugo de melhor romance, e indicado ao prêmio Nebula na mesma categoria.

Mas afinal, o que são esses prêmios ?

Tanto o Hugo quanto o Nebula são premiações dadas aos melhores livros, contos e demais trabalhos realizados em ficção científica e fantasia. Ao longo de sua história, diversas histórias foram laureadas com os prêmios – como Duna, de Frank Herbert, A Mão Esquerda da Escuridão, de Ursula K. Le Guin, e Encontro com Rama, de Arthur C. Clarke.

Eles são os prêmios mais notáveis de Sci-Fi e fantasia para autores no mundo todo, mas nem sempre o vencedor de um ganha o outro.

O Prêmio Hugo

O Prêmio Hugo (ou Hugo Awards, em inglês), foi criado pelos membros da World Science Fiction Convention (Worldcon), que desde 1955 premia anualmente as melhores histórias sobre fantasia e ficção científica publicadas.

O nome é uma homenagem a Hugo Gernsback, criador de uma das mais famosas revistas de ficção científica da época, a Amazing Stories. O primeiro prêmio foi entregue em 1953, para O Homem Demolido, de Alfred Bester. Após um hiato em 1954, o prêmio passou a ser entregue todos os anos a partir de 1955.

O prêmio funciona como o Oscar. A premiação de um ano é entregue para as obras lançadas no ano anterior. Existem também algumas edições especiais, chamadas Retro Hugo Awards, laureando obras lançadas anos anteriores a criação do prêmio, como A Revolução dos Bichos, de George Orwell, em 1946.

Continua após a publicidade

O sistema de votação funciona da seguinte forma: entre os meses de janeiro a março de cada ano, os membros da Worldcon indicam até cinco pessoas ou obras do ano anterior em quinze categorias diferentes. No início de abril, uma lista de finalistas é anunciada com cinco finalistas em cada categoria, com uma cédula final enviada aos membros da Worldcon daquele ano.

Após a votação dos membros, os vencedores são anunciados na cerimônia do Hugo e recebem um troféu especial em um evento da Worldcon. No ano passado, o grande vencedor na categoria melhor romance foi a fantasia Nettle & Bone, de Ursula Vernom, sob o pseudônimo de T. Kingfisher. 

Prêmio Nebula

O Prêmio Nebula surgiu alguns anos depois, em 1965, sendo fundado como a Associação de Escritores de Ficção Científica da América (Science Fiction Writers of America) por Damon Knight. Desde então, o prêmio é entregue para os romances, novelas, contos e outras categorias dentro dos gêneros de ficção científica e fantasia.

O primeiro vencedor de melhor romance do Nebula foi The Star Fox, do escritor norte-americano Poul Anderson. Assim como o Hugo, o evento premia obras publicadas no ano anterior, em uma variedade de categorias.

Para concorrerem, as obras devem ser indicadas por membros, associados ou seniores da associação, durante o período de indicação (que geralmente vai de novembro até fevereiro do ano seguinte). 

Continua após a publicidade

Para concorrer, as obras devem ser publicadas entre o dia 1º de janeiro a 31 de dezembro do ano vigente. No ano passado, o vencedor do prêmio de melhor romance do Nebula foi Babel – Uma História Arcana, de  RF. Kuang.

Para concorrer tanto ao Hugo quanto o Nebula o livro deve estar em inglês. 

Como você deve ter percebido, os vencedores do ano passado de ambos os prêmios foram diferentes. Isso é porque as comissões de votação e os critérios utilizados por cada uma são diferentes (como nas premiações do cinema: Oscar, o Globo de Ouro ou o SAG Awards).

Mas alguns clássicos conseguiram vencer os dois prêmios, como os já citados Duna, A Mão Esquerda da Escuridão, e Encontro com Rama, até clássicos relativamente mais recentes, como Neuromancer, de William Gibson, e Deuses Americanos, de Neil Gaiman.

Compartilhe essa matéria via:
Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 9,90/mês*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Super impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 14,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$118,80, equivalente a 9,90/mês.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.