GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

Pessoas podem atrair raios?

Conheça também outros mitos e verdades sobre essa ameaça chocante

TdF sugeriu – Eduardo Victor

Não. “Nem mesmo quem tem marca-passo, pino ou outras estruturas metálicas espalhadas pelo corpo, como dizem por aí”, afirma Osmar Pinto Jr., pesquisador do Inpe (Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais). O que ocasiona a atração são as condições a que a pessoa se expõe. As chances de ser atingido por um raio variam conforme o cenário, mas em geral são baixas. Além disso, estima-se que os casos fatais sejam apenas entre 5 e 10% do total. O perigo é que a corrente elétrica do raio pode causar queimaduras, problemas neurológicos e afetar a coordenação motora do indivíduo.

Alta voltagem

Mitos e verdades sobre essa ameaça chocante

CORPO EM EVIDÊNCIA

O que dizem – Topos de prédio e campos de futebol devem ser evitados

Verdade! É bom evitar situações em que você se destaque na paisagem. Ambientes descampados são muito perigosos, pois você pode ser o objeto mais condutor ao redor. Carregar objetos metálicos grandes, como guarda-chuvas, também pode atrair os raios

DOSE DUPLA

O que dizem – Um raio não cai duas vezes no mesmo lugar

Tudo errado! O Cristo Redentor, por exemplo, é atingido por raios seis vezes ao ano, em média. As descargas elétricas costumam se direcionar para locais que apresentem as seguintes condições: ambiente descampado, peças metálicas e eletricidade estática

REFLEXO CHOCANTE

O que dizem – Espelho atrai raios

Lenda! A crença nasceu na época em que os espelhos tinham a seu redor grandes molduras metálicas. Elas é que atraíam os raios! Mas o vidro por si só é inofensivo durante as tempestades

MEDO DE ALTURA

O que dizem – Quanto mais alto, maior a chance de ser atingido

Mito! Raios geralmente se encaminham para extremidades porque elas estão ionizadas (carregadas eletricamente), mas isso independe do tamanho do objeto – tanto pode ser um prédio como um grampo

Experts recomendam usar carros como refúgios anti-raios, já que a estrutura metálica dissipa a descarga elétrica

Descarga pesada

Conheça as classificações de um contato pessoa-raio

CONTUSÃO DIRETA

O indivíduo é atingido pela corrente elétrica, que flui pelo corpo

SIDE SPLASH

A descarga atinge um objeto, a corrente desvia e respinga na vítima

EXPOSIÇÃO POR CONTATO

Quando o raio cai em um objeto segurado pela pessoa

CORRENTE POR TERRA

O raio toca o solo e se espalha. Ele sobe por um pé e desce por outro

Consultoria Osmar Pinto Jr., pesquisador especializado em raios do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe)