Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Helicóptero encontra monólito misterioso no deserto de Utah

Objeto pode ser uma homenagem ao artista falecido John McCracken, obra de um fã de "2001" ou nenhuma dessas coisas. Entenda.

Por Carolina Fioratti Atualizado em 25 nov 2020, 18h57 - Publicado em 25 nov 2020, 18h54

Nesta semana, oficiais do Departamento de Segurança Pública de Utah, nos EUA, se depararam com uma cena fora do comum. Eles estavam sobrevoando uma área desértica no sudoeste do estado quando avistaram um bloco metálico no meio do nada. Na hora, os protetores estavam contando ovelhas selvagens, mas o objeto à la “2001 – Uma Odisseia no Espaço” chamou sua atenção. 

Ao chegarem mais perto, os biólogos perceberam que o monólito tinha pouco mais de três metros de altura e estava fincado nas rochas vermelhas do local. O piloto do helicóptero, Bret Hutchings, descreveu a experiência a uma emissora local como “a coisa mais estranha que eu já encontrei em todos os meus anos de voo”.

De primeira, as autoridades sugeriram que a peça poderia ter sido colocada ali por algum fã do filme “2001”, já que em determinada cena da obra de Kubrick aparece um monólito de origem extraterrestre. Mas ainda não se sabe quem deixou o objeto ali. Brincando com a situação, o Departamento de Segurança Pública de Utah deixou claro: “É ilegal instalar estruturas ou arte sem autorização em terras públicas administradas pelo governo federal, não importa de que planeta você seja”. 

  • A Patrulha Rodoviária de Utah, pensando em encontrar o culpado, questionou no Instagram sobre o que era a peça. Logo, diversos usuários da rede surgiram com seus palpites. Boa parte acredita que a instalação é uma homenagem ao artista minimalista John McCracken, que faleceu em 2011. Um porta-voz de David Zwirner, galerista do artista, não descartou essa possibilidade ao The Art Newspaper

    Há ainda quem tenha sugerido a autoria de Petecia Le Fawnhawk, uma artista que instala obras em locais remotos. Mas por enquanto, seguiremos apenas nas apostas. O departamento não divulgou o local exato em que o monólito foi encontrado, como forma de evitar que algumas pessoas tentassem ir até lá e acabassem se perdendo no ambiente selvagem. Mas o suspense durou pouco e usuários do Reddit logo encontraram a obra no Google Earth. Eles combinaram as coordenadas expostas na foto do Instagram com as informações obtidas das gravações divulgadas, considerando altura do penhasco, padrão das rochas, entre outros detalhes. Agora, basta os usuários encontrarem o verdadeiro culpado dessa história.

    Continua após a publicidade
    Publicidade