Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Barco à prova de ondas

Por Da Redação Atualizado em 31 out 2016, 18h54 - Publicado em 26 jul 2009, 22h00

Para divulgar o uso de combustíveis não poluentes, o americano Bryan Peterson, 49 anos, meteu-se num barco inflável, com motor movido a óleo de soja, e partiu sozinho numa viagem de volta ao mundo. Como se declara “pessoa não corajosa”, Peterson encomendou à Zodiac, fabricante preferida de Jacques Cousteau, um barco à prova de intempéries – o Sunrider.

Com 7 metros de comprimento, o barco tem o casco recheado de poliuretano, que dá maior flutuação e faz com que ele suba e desça as ondas como uma rolha. Tubos infláveis, feitos do mesmo material dos coletes à prova de balas, impedem-no de afundar. Existe também o chamado self-beiling, sistema que retira a água do barco. O mais impressionante é uma balsa sobre a cabine: se a embarcação capotar, o que é improvável, a balsa infla automaticamente, desvirando-a.

Publicidade