Clique e assine a partir de 8,90/mês
Ciência Maluca Por Blog As pesquisas mais importantes para você compreender a sua vida - e as mais inusitadas para você entender todo o resto. Por Tiago Jokura

Papai Noel mora no Quirguistão

Por Nina Weingrill - Atualizado em 21 dez 2018, 12h38 - Publicado em 16 jun 2008, 17h18

Esqueça toda essa história de Lapônia e polo Norte. Toda noite do dia 25 de dezembro, o papai Noel sai do Quirguistão, país da Ásia central que faz fronteira com a China, e dá a volta ao mundo para presentear as criancinhas que foram boas durante o ano. Pelo menos, é isso que concluiu uma empresa de engenharia sueca.

“Por que o Quirguistão? Não dava para escolher um CEP mais conhecido?”, você, fã do bom velhinho, estaria se perguntando. Questão de logística: é a forma mais fácil de riscar da lista todos os bons meninos do planeta.

Segundo os pesquisadores, existem 48 pessoas por quilômetro quadrado na Terra, e 20 metros de distância entre cada uma das mais de 2.5 bilhões de casas, em média. Então, se Noel sair do Quirguistão e viajar no sentido contrário à rotação do planeta (ganhando uma ajudinha das massas de ar), ele terá 48 horas para entregar todos os presentes do mundo. O país asiático está em numa posição privilegiada no hemisfério norte, que concentra 90% da população mundial.

O tempo é suficiente se o bom velhinho demorar 34 microssegundos por parada para deixar os presentes – detalhe que ele teria que descer algumas lareiras, comer os biscoitos e tomar o leite nesse tempo. Sem contar a velocidade das renas: 5,800 quilômetros por segundo. Tão possível quanto a própria existência do papai Noel.

Continua após a publicidade
Publicidade