Clique e assine com até 75% de desconto

3 notícias sobre… tartarugas

Répteis descoloridos, rastreados ou que ameaçam sumir do mapa.

Por SUPER Atualizado em 18 nov 2020, 15h48 - Publicado em 11 nov 2020, 15h44

Branco de neve
Um raro filhote branco de tartaruga foi encontrado no litoral da Carolina do Sul (EUA). De início, pensou-se que ele estava doente. Depois, descobriram se tratar de um caso de leucismo, condição genética que causa perda de pigmentação (ao contrário do albinismo, a cor dos olhos não muda). A condição pode atrapalhar a tartaruguinha em alto-mar, já que a cor natural a ajuda a se camuflar – e despistar predadores.

Joga no Waze
Ovos de tartarugas marinhas sofrem com a caça furtiva na América Central, onde são consideradas iguarias culinárias. Para identificar as rotas mais comuns dos caçadores, a cientista Kim Williams-Guillén criou ovos falsos, rastreáveis via GPS, para colocar nos ninhos dos animais. Eles são feitos em uma impressora 3D com um material que imita o peso e a textura de um ovo de verdade.

Cascos à vista
Aparições de tartarugas marinhas no Reino Unido e Irlanda estão mais raras. Os avistamentos de tartarugas-de-couro, espécie mais abundante por lá, por exemplo, cresceram até os anos 1990 e, desde então, caíram pela metade. Dentre as hipóteses para o fenômeno estão as mudanças climáticas, a ausência de medusas (que servem de alimento) e redução de barcos de pesca na região, que costumam registrar observações. 

Publicidade