Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

Cientistas treinam formigas para detectar câncer de mama em humanos

Em experimento, os insetos distinguiram o odor da urina de camundongos saudáveis e daqueles que receberam implantes de células cancerígenas.

Por Luisa Costa 2 jun 2022, 16h31

Quanto mais cedo acontece o diagnóstico do câncer, maiores são as chances de recuperação do paciente. Por isso, alguns cientistas trabalham para facilitar esse processo – e novas descobertas indicam que as formigas podem ser uma possibilidade promissora.

Segundo estudo realizado por Baptiste Piqueret, da Universidade de Sorbonne Paris Nord (França), e outros pesquisadores de instituições francesas, formigas da espécie Formica fusca seriam capazes de detectar o câncer de mama em humanos.

Assim como outras doenças, o câncer deixa pistas olfativas no corpo do paciente, porque as células afetadas acabam produzindo e liberando certos compostos orgânicos voláteis – que conferem odores característicos a elas.

Pesquisas anteriores já demonstraram que cachorros seriam capazes de sentir esses odores e, assim, detectar diferentes tipos de câncer a partir da pele, da respiração ou dos fluidos e secreções de alguém – sangue, urina ou suor, por exemplo.

E as formigas? Para alguns cientistas, os insetos seriam uma boa ferramenta de detecção já que são relativamente fáceis de manusear, podem ser criados em grande quantidade e treinados para reconhecer odores específicos em poucos testes.

É o caso da Formica fusca, que, segundo os autores do novo estudo, já se mostraram capazes de identificar e memorizar odores em um único treinamento. Elas também poderiam passar por até nove testes de detecção sem receber recompensas por seus acertos antes de começarem a falhar na missão.

Continua após a publicidade

Como o estudo foi feito

Os pesquisadores perceberam que as formigas seriam capazes de detectar o câncer a partir da urina de camundongos. Primeiro, a equipe implantou células de câncer de mama de uma pessoa em seis camundongos. Depois de sete semanas, coletou amostras de urina desses e de outros seis animais que não passaram pelo procedimento.

Então, passaram à fase de treinamento com 70 formigas, que deveriam ser capazes de distinguir entre a urina dos animais doentes e saudáveis a partir do cheiro de cada amostra. Para isso, elas foram colocadas em recipientes que continham, em cada lado, um tipo de urina. 

Sempre que uma formiga se movia em direção à urina de camundongos com células cancerígenas, ela recebia uma recompensa – algumas gotas de água com açúcar. Bastou duas sessões de treinamento para que os insetos aprendessem a identificar a amostra correta, movendo-se em direção a ela mesmo sem obter uma recompensa ao final.

Os pesquisadores acreditam que esses resultados apoiam a hipótese de que as formigas poderiam atuar na detecção do câncer de mama – mas ainda não se sabe, por exemplo, se elas seriam capazes de fazer isso com amostras de urina humana, como cachorros já fizeram.

Compartilhe essa matéria via:
Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Transforme sua curiosidade em conhecimento. Assine a Super e continue lendo

Impressa + Digital

Plano completo da Super. Acesso aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias e revista no app.

Acesso ilimitado ao Site da SUPER, com conteúdos exclusivos e atualizados diariamente.

Receba mensalmente a SUPER impressa mais acesso imediato às edições digitais no App SUPER, para celular e tablet.

a partir de R$ 12,90/mês

MELHOR
OFERTA

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos no site e ter acesso a edição digital no app.

App SUPER para celular e tablet, atualizado mensalmente.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)