GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

Chernobyl gera laboratório vivo

Desde a explosão da primeira bomba atômica, em 1945, os cientistas tentam avaliar com precisão os prováveis efeitos de uma calamidade nuclear sobre a natureza. Um campo de estudos muito. peculiar nesse sentido acabil de ser criado – o governo soviético transformou em reserva ecológica uma área de 10 quilômetros ao redor da usina de Chernobyl, na Ucrânia, onde há dois anos ocorreu o maior acidente nuclear da história. Laboratotios estão sendo instalados na região para observar, por exemplo, o comportamento de plantas e animais contaminados pela radiação. As primeiras análises mostram que o acidente – responsável pela morte de 32 pessoas até maio último, vitimadas pela radioatividade – não afetou os genes dos organismos que vivem na nova reserva ecológica – um resultado auspicioso. “Seria impossível reproduzir experimentalmente a situação ecológica de Chernobyl”, comenta Boris Prister, especialista em radiologia da Academia Lênin de Ciências Agrícolas. “Apesar da tragédia, os cientistas ganharam um laboratório único.”

Para saber mais: SuperMundo