GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

Maiores prédios do Brasil

Não temos um Empire State ou torres gêmeas - nosso edifício mais alto é um anônimo no Centro de São Paulo. Mas atenção, fãs de arranha-ceús: este ano começa a construção do Company Business Towers, que, se tiver 189 metros, será o novo e envidraçado líder do ranking.

Emiliano Urbim, Juliana Vidigal, Otávio Silveira e Thais Sant’ana

NEA (Novo Edifício Abril)

149 metros

26 andares

Inauguração: 1997.

Local: Marginal do Pinheiros, bairro de Pinheiros, em São Paulo.

Como o edifício em que a gente trabalha (14º andar) é cercado por construções baixas, a gente nem imaginava que ele fosse um dos mais altos do Brasil, mas quem diria.

Torre Norte

158 metros

34 andares

Inauguração: 1999.

Local: Marginal do Pinheiros, bairro do Brooklin em São Paulo.

É o edifício central do Centro Empresarial Nações Unidas, ocupado por escritórios e multinacionais. Todos são ligados por um longo corredor ao vizinho World Trade Center (o daqui continua em pé).

Edifício Altino Arantes (Banespa)

161 metros

34 andares

Inauguração: 1947.

Local: Centro de São Paulo.

Mais alto de São Paulo por quase 20 anos, o prédio que homenageia o primeiro presidente do Banespa teve o projeto modificado para se parecer com o Empire State Building, de Nova York.

Edifício Torre Rio Sul Center

164 metros

44 andares

Inauguração: 1982.

Local: Botafogo, zona sul do Rio de Janeiro.

O mais alto do Rio está construído sobre o shopping mais antigo da cidade, o Rio Sul Center. De lá se avistam dois dos principais cartões-postais do Rio de Janeiro: o Cristo Redentor e o Pão de Açúcar.

Edifício Itália

165 metros

46 andares

Inauguração: 1965.

Local: Centro de São Paulo.

Ponto turístico, tem a fama injusta de mais alto – na verdade, ele perde por 5 metros. Seu restaurante de luxo, construído nos dois últimos andares, é inspirado nos da Torre Eiffel e do Empire State.

Mirante do Vale

170 metros

51 andares

Inauguração: 1966.

Local: Centro de São Paulo.

Situado em um terreno baixo perto do viaduto Santa Efigênia, nem parece o maior prédio do Brasil – além do quê, sua fachada desfigurada, com muitas janelas de cores diferentes, pede uma reforma.

?

Company Business Towers – Torre A

189 metros

47 andares

Construção: 2010 a 2013.

Local: Marginal do Pinheiros, bairro do Brooklin, em São Paulo.

O complexo, ainda com nome provisório, compreende duas torres, A e B. Foi aprovada e até parcialmente vendida a torre B, de 124 metros. Já a A está passando por readaptação – pode ser que ela fique com “apenas” 159 metros, caindo para o 5º lugar do ranking.

Fontes Adriane Matthes, professora do departamento de arquitetura e urbanismo da PUC-Caldas; Libânio Miranda Pinheiro, professor de estruturas de concreto na Escola de Engenharia de São Carlos, da USP; Werner Mangold, professor de engenharia civil do Centro Universitário da FEI; e Carlos Valério Amorim, engenheiro do Codeme; sites oficiais e/ou as assessorias de imprensa dos edifícios listados.