Clique e Assine SUPER por R$ 9,90/mês
Continua após publicidade

Você entende tudo de orgasmo? Saiba o que os dados revelam sobre o prazer

Orgasmo é bom demais, mas nem todo mundo chega lá. Saiba melhor o que rola (e o que atrapalha) na hora do prazer

Por Da Redação Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO
Atualizado em 4 nov 2016, 18h59 - Publicado em 28 set 2015, 19h00

A gente já tinha te contado alguns fatos sobre o orgasmo que você não sabia. E respondido umas perguntinhas básicas, para você saber como o orgasmo acontece no seu corpo. Mas, agora, vamos ao que interessa: como é que o orgasmo afeta nas nossas vidas? A gente separou uns dados que mostram as diferenças entre os orgasmos masculinos e femininos e que revelam como a maioria das pessoas se relaciona. 

Homens ainda se dão melhor na cama

Os dados mostram que as brasileiras gozam menos que seus parceiros. Veja com que frequência gozam os homens e as mulheres e a porcentagem de quem tem orgasmos sempre que vai para a cama.

Tudo que é bom dura pouco

Mulheres têm orgasmos mais duradouros que os homens, mas, ainda assim, a média não passa dos 20 segundos para ninguém.

Meninas se entendem

As mulheres se dão melhor na cama quando estão fazendo sexo com outras mulheres. 

Continua após a publicidade

Nem toda mulher é igual

Cada uma atinge o orgasmo de um jeito bem diferente.

A mágica dos orgamos múltiplos

Nem todas as mulheres são privilegiadas, mas as que conseguem, gozam muito. O recorde é impressionante.

Cerveja dificulta o orgasmo

Boa parte dos homens já mentiu sobre ter atingido o orgasmo. E, olha só, muitos deles precisaram mentir porque estavam bêbados.

Continua após a publicidade

Sexo eletrizante

Seis orgasmos liberam energia suficiente para recarregar uma pilha. E, sim, mulheres também mentem na hora H. Muitas, não se sentem à vontade para conversar sobre o assunto com seus parceiros. 

Sabe aquela rapidinha?

Pois é, os homens chegam lá super rápido. Mas, olha só: eles também têm ponto G.

Fontes: Barry Komisaruk e Nan Wise, pesquisadores da Universidade de Rutgers; Universidade de Indiana; Universidade George Washington; Instituto Kinsey; Global Sex Survey; Pesquisa do Dr. Ernst Gräfenberg, ginecologista alemão; Masturbate-a-thon, Dinamarca, 2009; Pesquisa da AOL; Universidade do Kansas; Your Tango!; Pesquisadores Masters and Johnson. Ilustração: Inara Negrão.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 9,90/mês*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Super impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 14,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$118,80, equivalente a 9,90/mês.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.