GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

Os 13 melhores reality shows de comida

Listamos os programas culinários mais apetitosos de acordo com as notas de usuários no IMDb. Delicie-se

13. Cake Boss

Desafio: Como não é um reality de competição, o maior desafio é entender como Buddy Valastro faz bolos tão gigantes e realistas.
Prêmio: Não tem.

A padaria Carlo’s Bakery fica em New Jersey, EUA, e sob o comando de Buddy Valastro e sua família, faz bolos inacreditáveis. O reality acompanha pedidos, confecção e entrega dos bolos. E claro, os problemas de uma família enorme que trabalha junta. Buddy já esculpiu seus bolos em forma de jacarés de tamanho real, lustres, estádios de futebol e até uma pessoa inteira. A cada episódio, clientes exigentes desafiam a criatividade (e capacidade) da equipe.

12. Hell’s Kitchen

Desafio: Ser um chef completo, da organização da cozinha aos pratos preparados.
Prêmio: US$ 250 mil e a chance de trabalhar como chef em um restaurante renomado.

Se você acha que os jurados do MasterChef Brasil não têm coração, você não viu nada. O chef celebridade Gordon Ramsay grita, berra, faz escândalo, joga comida no chão e derruba pratos. Os competidores são divididos em duas equipes e geralmente têm que completar dois desafios a cada episódio: um individual e um em grupo. O desafio coletivo é servir o restaurante do Hell’s Kitchen por uma noite, o que exige organização. Mas a melhor parte é ver todo mundo surtando com as loucuras de Ramsay.

11. Cutthroat Kitchen

Desafio: Preparar bons pratos driblando possíveis sabotagens de outros competidores.
Prêmio: Quatro chefs recebem US$ 25 mil. Durante o programa eles podem gastar o dinheiro com os leilões. O vencedor sai com o que conseguir manter.

Cada episódio conta com 4 chefs e 3 rodadas. Eles têm que preparar pratos como macarrão com queijo, sushi e peixe com batatas fritas. Se fosse para ser tão fácil, seria um programa que ensina receitas, e não um reality. Mas o toque especial está nos leilões, que dão a oportunidade de um participante sabotar o outro, forçando a retirada (ou acréscimo) de um ingrediente ou equipamento. Também podem ter que cozinhar amarrados e com menos tempo. Sobrevive quem for mais versátil.

10. Wahlburgers

Desafio: Um chef tentando expandir sua rede de hamburguerias.
Prêmio: Não tem.

A hamburgueria Wahlburgers é um projeto do chef Paul Wahlberg e de seus dois irmãos, Mark (estrela de cinema de Ted, Atirador, Boogie Nights etc.) e Donnie. Originalmente localizado em Massachusetts, a franquia agora já está em outros lugares como Nova York, Florida e até no Canadá. O reality acompanha a vida profissional e pessoal dos três, mostrando também as dificuldades de manter e expandir um restaurante. A série até já deu origem a um spinoff, Donnie Loves Jenny, outro reality que mostra a vida de recém-casados do irmão de Paul e sua esposa.

9. Restaurant: Impossible

Desafio: Reconstruir um restaurante quase falido em dois dias e com um orçamento de US$ 10 mil.
Prêmio: Um restaurante novinho em folha.

Robert Irvine – um chef fortão com cara de bravo – viaja pelos EUA para ajudar os proprietários de restaurantes em decadência. Com uma equipe de decoradores e especialistas, ele transforma o local, treina os funcionários, enxuga e melhora o cardápio, tudo para tentar salvar o empreendimento. As mudanças são radicais, e mostram que com investimento é possível melhorar qualquer coisa.

8. Ace of Cakes

Desafio: Não tem
Prêmio: Não tem

Apesar de ter acabado em 2011, ainda faz sucesso. Tem pegada parecida com Cake Boss, mostrando bolos incríveis criados por uma equipe especializada. O programa exibe o chef confeiteiro Duff Goldman, dono da Charm City Cakes, e seus amigos, nos bastidores da confeitaria. Entre as criações mais notáveis, estão um bolo no formato do castelo de Hogwarts, para a sessão de lançamento de Harry Potter e Ordem da Fênix no cinema, e um inspirado no satélite Hubble, para a Nasa.

7. Iron Chef America

Desafio: Vencer um outro chef profissional na batalha para fazer o melhor prato.
Prêmio: Não tem – a maioria dos chefs participantes já tem prestígio e grana.

Baseado no programa japonês de mesmo nome, o vencedor de cada episódio recebe o selo de qualidade Iron Chef. São dois participantes por vez, geralmente um chef comum contra um que já é Iron Chef. Os competidores têm uma hora para fazer o prato, cujo tema ou ingredientes só são revelados na hora. Já competiram no programa personalidades como Jamie Oliver e Robert Irvine – que você viu na nona posição desta lista.

6. MasterChef

Desafio: Vencer chefs amadores em desafios temáticos.
Prêmio: R$ 150 mil, um carro e um curso na escola Le Cordon Bleu (na versão brasileira do programa)

Uma das maiores franquias televisivas do mundo, é o programa de comida que mais caiu no gosto dos brasileiros até agora. A primeira versão foi ao ar em 1990 na Inglaterra e foi interrompida em 2001. Com uma requentada, voltou com tudo em 2005 e atualmente é um fenômeno mundial de audiência, com mais de 50 versões produzidas no mundo todo. A nova temporada da versão brasileira acaba de estrear na Band, que também já produziu um spinoff mirim (MasterChef Junior) e outro com cozinheiros profissionais (MasterChef Profissionais).

5. Kitchen Nightmares

Desafio: Salvar restaurantes da falência.
Prêmio: não tem

Mais uma receita de sucesso de Gordon Ramsay. O chef turrão visita restaurantes prestes a fechar as portas e passa uma semana tentando recuperá-los, dando treinamentos, dicas e broncas em proprietários e funcionários. Ou seja, curtas histórias de luta e superação temperadas com pitadas de energia, sabedoria e arrogância de um superstar da culinária.

4. Chopped

Desafio: Em cada episódio, quatro chefs competem entre si.
Prêmio: US$ 10 mil por episódio.

Esse é uma panela de pressão: quatro chefs recebem uma cesta com ingredientes “surpresa” e que não tem muito a ver entre si (melancia e sardinha, por exemplo). Em segundos, precisam decidir o que preparar com esses ingredientes e outros itens à disposição no estoque do programa. São três rodadas, geralmente de 30 minutos: entrada, prato principal e sobremesa. A cada etapa, um competidor é eliminado e o sobrevivente fatura a grana.

3. Man versus Food

Desafio: testar os limites de um estômago.
Prêmio: não tem.

O pódio da lista vai para os desafios que o apresentador Adam Richman se impõe visitando restaurantes com pratos colossais, aparentemente impossíveis de serem digeridos, seja pelo tamanho da refeição, pelos temperos intensos (geralmente picantes) ou pelo tempo em que o prato deve ser traçado. Richman traçou tanta junk food entre 2008 e 2011 que se arrependeu. Depois que o programa deixou de ir ao ar, em 2012, o apresentador virou vegano e já perdeu mais de 30 kg.

2. Top Chef

Desafio: Desbancar outros chefs profissionais.
Prêmio: US$ 200 mil.

O nome já revela: profissionais da cozinha competem entre si pelo reconhecimento diante de um júri composto por chefs consagrados e especialistas em vinhos, queijos, embutidos e outros nichos culinários. O formato é bem parecido com o do MasterChef, com uma tarefa rápida no início, que garante imunidade ao vencedor, e uma prova mais longa no final, que elimina participantes. O programa é famoso pelo bordão “please, pack your knives and go” (“por favor, embrulhe suas facas e vá”) como senha para os eliminados deixarem a competição.

1. The Great British Bake Off

Desafio: Criar bolos e doces que honrem a tradição da confeitaria britânica.
Prêmio: Ser nomeado o melhor confeiteiro do Reino Unido.

O doce gosto da vitória – pelo menos em nossa lista – é deste programa britânico em que confeiteiros amadores são desafiados a mostrar seu talento com bolos, tortas, sobremesas e outros quitutes para os juízes Mary Berry – uma das autoras de receitas mais populares, tipo uma Palmirinha da terra da Rainha – e o confeiteiro-galã Paul Hollywood (não confundi com o Doctor Ray, por favor). O programa fez tanto sucesso na Inglaterra que foi exportado para os EUA com o nome de The Great British Baking Show.