GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

O Rio de Machado

Rodrigo Cavalcante

No romance Dom Casmurro, de Machado de Assis, Bentinho descobriu que amava Capitu quando morava com a mãe num sobrado na Rua de Matacavalos, Rio de Janeiro. Mas onde fica essa tal Rua de Matacavalos? Até há pouco tempo, responder essa pergunta era mais difícil do que dizer se Capitu traiu ou não traiu Bentinho. Agora está mais fácil. Três livros, publicados recentemente, dão todas as pistas para o leitor mergulhar no cenário em que viviam os personagens machadianos no Rio de Janeiro do século XIX.

Em O Viajante Imóvel (Record), o mais recente desses livros, Luciano Trigo reúne informações preciosas sobre as ruas do centro, os bailes, teatros, hotéis, parques e até detalhes dos babados dos vestidos da moda na vida agitada da corte. As fotografias das paisagens do Rio da época podem ser vistas no livro Rio de Assis (Casa da Palavra), de Aline Carrer, com belas fotos do Rio da época, ao lado de comentários retirados dos livros do escritor sobre cada local retratado. Com a reedição, no final do ano passado, do clássico História das Ruas do Rio (Lacerda), de Brasil Gérson, o roteiro machadiano ficou completo. Apesar de não ser um guia das ruas dos livros do escritor, é possível encontrar lá as histórias e curiosidades de locais do mesmo período. Como a Rua de Matacavalos (rebatizada depois Riachuelo), em Santa Tereza, que tinha esse nome por ser cheia de barrancos que cansavam os animais.

drusso@abril.com.br