Clique e Assine por apenas 8,90/mês

Quarda-chuva

Por Da Redação - Atualizado em 31 out 2016, 18h22 - Publicado em 31 mar 1990, 22h00

Marcelo Bezerra da Silva e Márcio José Pinheiro

Qual o origem do guarda-chuva?

Na Mesopotâmia, região do atual Iraque, há 3400 anos já existiam artefatos destinados a proteger a cabeça dos reis – contra o sol, não contra a chuva, uma raridade naquele lugar. Assim como os abanos, eram feitos de folhas de palmeiras, plumas e papiro. No Egito, adquiriram significado religioso e na Grécia e em Roma eram tidos como artigo exclusivamente feminino. Só no século XVIII a obstinação o comerciante inglês Jonas Hanway, um apaixonado por guarda-chuvas (versão inglesa do guarda-sol tropical), conseguiria torná-los dignos também de um gentleman. Embora ridicularizado em vida, após a sua morte, em 1786, os ingleses aceitaram sair à rua munidos do acessório nos sempre freqüentes dias de chuva do país.

 

Continua após a publicidade

 

Continua após a publicidade

 

Continua após a publicidade
Publicidade