GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

A vaca dá leite só quando está amamentando?

Não. Mas o ritmo de produção varia conforme a espécie.

Não. As vacas leiteiras, como as das raças jérsei, holandesa e pardo-suíça, são capazes de dar leite por mais de dois anos após o nascimento da cria. “O tempo exato vai depender da característica genética de cada animal”, afirma o veterinário Alexandre Vaz Pires, da Esalq. Nas vacas de corte, a produção de leite vai diminuindo a partir do terceiro mês do nascimento da cria. Lá para o sétimo mês, elas produzem muito pouco do líquido.

Mas porque, então, a resposta é “não”? Porque o período de produção de leite pode ser prolongado graças ao estímulo físico que a vaca recebe ao ser ordenhada.

Então vamos lá, passo a passo. Quando o bezerro nasce, a vaca mãe começa a produzir leite. Depois de 60 dias, em média, ocorre o desmame do filhote. Aí entra a função da ordenha frequente: quando a mama é pressionada, uma mensagem é enviada ao cérebro da vaca, estimulando a glândula hipófise, que libera um hormônio chamado oxitocina. Essa substância chega à mama pela corrente sanguínea, contraindo as fibras musculares e levando à liberação de mais leite. Para desacelerar e interromper a produção de leite, basta parar de ordenhar o animal.

Ou seja, nesse período, ela não precisa estar grávida, só bem alimentada, saudável e criada em boas condições de ambiente, explica Sandra Gesteira Coelho, médica veterinária e professora da disciplina de Bovinocultura de Leite na Escola de Veterinária da UFMG.

Um lembrete final: vacas que produzem leite passam bastante tempo de suas vidas grávidas, sim. Em fazendas de produção de leite, os animais são inseminados de novo, em média, 60 dias após cada parto, e elas tendem a dar a luz em média 1 vez por ano. Nesse esquema, dos 12 meses do ano, uma vaca produz leite por dez (durante a amamentação e, depois, estimulada pela ordenha), fica 2 meses parada e engravida de um novo bezerrinho. Aí o ciclo recomeça.