Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Como funciona o teste de farmácia para HIV?

Teste de farmácia para HIV funciona com dispositivo aplicado na gengiva

Por Lucas Baranyi Atualizado em 4 jul 2018, 20h27 - Publicado em 24 Maio 2016, 12h52

Pergunta do leitor Reinaldo S. Marques, Presidente Venceslau, SP

Ilustra Claudia Souza (Borogodó)

Edição Felipe van Deursen

Com um dispositivo aplicado na gengiva. O exame, que deve chegar ao Brasil em 2016 e já existe nos Estados Unidos desde 2012, não detecta o vírus em si, mas os anticorpos específicos que atuam no combate ao HIV. Mas, assim como testes de gravidez vendidos em farmácias, o método não é 100% eficaz. Por exemplo, o OraQuick, produto mais usado nos EUA, vendido por cerca de US$ 40, tem uma taxa de cinco erros a cada mil utilizações. Ou seja, o risco é baixo, mas existe. Então, se você topar com um resultado positivo no futuro, é preciso consultar um médico e realizar um exame de sangue.

teste hiv 1

1. O usuário deve ficar 30 minutos sem usar nenhum produto para higiene bucal. Depois, passa o dispositivo uma vez na gengiva (em cima e embaixo) para coletar o material para o teste

teste hiv 2

2. Deve-se colocar o dispositivo no tubo de testes, que analisará as substâncias e os anticorpos encontrados na gengiva

3. Espera-se entre 20 e 30 minutos

Continua após a publicidade

teste hiv 3

4. Se só uma linha aparecer no resultado, o usuário não tem os anticorpos que combatem o HIV (ou seja, não está infectado). Se duas linhas surgirem, ele provavelmente tem o vírus e deve consultar um médico e fazer o exame de sangue

LEIA TAMBÉM:

– Como surgiu a aids?

– Como o vírus HIV age no organismo?

– Quais medicamentos compõem um coquetel contra aids?

– Por que a aids não é transmitida pela picada de insetos?

Consultoria Aline del Giudice Penha, farmacêutica

Fontes Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), CVS Pharmacy, FDA (Food and Drug Administration), Ministério da Saúde e OraQuick

Continua após a publicidade

Publicidade