GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

Que feras vieram depois da extinção dos dinossauros?

Megacerops_models Megacerops_models

Megacerops_models (/)

Ancestrais gigantes dos rinocerontes, mastodontes, mamutes, tigres-dentes-de-sabre e preguiças gigantes foram algumas das feras que ocuparam o planeta depois dos dinossauros. Esses bichos surgiram a partir de 65,5 milhões de anos atrás, quando uma extinção em massa decretou o fim dos dinos e deu início à chamada Era Cenozóica, que se estende até hoje – em sua origem grega, “cenozóica” significa “vida recente”. Foi nesse período que a Terra assumiu sua forma atual, com a distribuição dos continentes tal qual conhecemos. Ele foi marcado por uma grande explosão de vida sobre o globo. Foi também na Era Cenozóica que surgiram os primeiros hominídeos, como os do grupo dos Australopithecus. Nossos ancestrais evoluíram gradativamente até o surgimento do Homo sapiens, há cerca de 200 mil anos, que deu início à nossa civilização.

Períodos da era cenozóica

Terciário – 65,5 milhões a 1,6 milhão de anos

A extinção dos dinossauros e outros grandes répteis abriu espaço para o domínio de mamíferos pré-históricos. Ao mesmo tempo, a diferenciação do clima em várias regiões do planeta levou ao surgimento de grande variedade de plantas. O Terciário também é marcado pela intensa atividade vulcânica e pelo surgimento de grandes maciços montanhosos

BIG BICHO

O Indricotherium foi um dos maiores mamíferos que já habitaram o planeta. Pesando 17 toneladas (o mesmo que quatro elefantes), o bichão tinha cabeça pequena e patas com três dedos, como as dos rinocerontes. Por seu tamanho, acredita-se que esse herbívoro não possuía predadores

DOUBLE CHIFRE

O Brontotherium era um mamífero herbívoro com 2,5 metros de altura e 3 toneladas de peso. Sua característica mais marcante era um chifre bifurcado no focinho, usado em lutas entre os machos

Quaternário – 1,6 milhão de anos até hoje

Do ponto de vista da fauna e da flora, o Quaternário não apresentou grandes alterações em relação ao Terciário. Mas os seres vivos dessa época sofreram com as sucessivas glaciações, períodos em que o gelo das calotas polares avança sobre o planeta e o clima fica bem mais frio

A glaciação mais recente teve início há cerca de 90 mil anos e se estendeu até 10 mil anos atrás. O intenso frio que se abateu sobre o planeta levou à extinção muitas das espécies animais que viveram naquela época, como mamutes, mastodontes e tigres-dentes-de-sabre

PASSO DO ELEFANTINHO

Parentes dos elefantes, os mamutes tinham o corpo coberto de pêlos e viviam nas regiões frias do hemisfério norte. Suas enormes presas eram usadas em combates e para cavar a neve em busca de grama – eles eram herbívoros

BONDE DO TIGRÃO

Caçando em grupo, os tigres-dentes-de-sabre atacavam animais bem maiores do que eles, como mamutes e mastodontes. Sua arma mortal eram os dentes de 20 cm, que rasgavam suas vítimas em mordidas com a boca aberta a 90 graus

Eras

EU QUERO MAMAR

A formação da Terra teve início há 4,5 bilhões de anos. Esta “régua” resume as principais eras do planeta. A Era Cenozóica ou “Era dos Mamíferos” começou há 65,5 milhões de anos

SUBDIVISÃO POLÊMICA

A Era Cenozóica tem duas divisões possíveis: Terciário e Quaternário ou Paleogeno e Neogeno. Essa polêmica rola porque não há certeza sobre os eventos que marcaram o fim de cada fase

FIM DA ERA CENOZÓICA

Não há como prever o fim da Era Cenozóica, já que os limites das eras são definidos em retrospectiva, a partir de acontecimentos marcantes, como grandes extinções. Pode ser que, no futuro, o sumiço da raça humana seja considerado o final da Era Cenozóica…