GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

Eta Cafezinho bom!

Se você é daqueles que se gabam de estar prontos para o que der e vier (principalmente o trabalho) toda manhã, depois de um simples cafezinho, atenção: muito provavelmente você é um viciado em café, ou melhor, cafeína. Sua incapacidade de fazer qualquer coisa ao acordar, antes da primeira xícara, é um sinal da crise de abstinência que aflige qualquer viciado quando fica algum tempo sem o prazer do seu vício amigo. No caso, uma noite inteira de sono sem nenhuma “xicrinha”. É o que garante Peter Rogers, chefe dos pesquisadores de Psicobiologia dos Instituto de Pesquisa em Alimentação de Reading, na Inglaterra. “Embora muita gente pense que o cafezinho estimula o cérebro, na verdade ele apenas devolve o desempenho à normalidade.”
Rogers acredita que a pesquisa ajuda a entender por que tantas pessoas precisam desses estimulantes matinal. Mas nada acrescenta para quem quer saber por que as pessoas ficam dependentes dessa “bebida de gosto tão amargo, sobretudo de manhã.” Estudos anteriores sugerem que tanto pode ser a pressão pelo sucesso profissional quanto o exemplo dos pais, em casa. De tudo isso, Roland Griffiths, da Universidade Johns Hopkins, em Baltimore, Estados Unidos, conclui: “É evidente que a cafeína produz dependência, quando usada cronicamente”.