Assine SUPER por R$2,00/semana
Continua após publicidade

Leite… morno, ajuda a dormir

Por Da Redação Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO
Atualizado em 31 out 2016, 18h58 - Publicado em 18 mar 2011, 22h00

O mito provoca controvérsias. “Isso é mais empírico do que científico”, diz o cardiologista Heno Ferreira Lopes. “Não conheço estudos comparativos que comprovem esse efeito.” A crença se deve à presença de triptofano no leite. Esse aminoácido, não fabricado pelo corpo, modula a produção de serotonina, neurotransmissor que dá sensação de bem-estar. E a serotonina, por sua vez, é usada na produção de melatonina, o hormônio do sono. O triptofano está presente no leite, mas também em carnes (peito de peru, sobretudo), ovo, amendoim, grão-de-bico e feijões.

A questão é que o triptofano, sozinho, não faz milagres. Segundo estudos do centro de pesquisa American Board of Sleep Medicine, nos EUA, o aminoácido atuaria apenas na primeira fase do sono, aquela em que você começa a ficar sonolento. Para atravessar a barreira da corrente sanguínea e chegar ao tronco cerebral, que controla o ciclo sono/vigília, ele compete com outros aminoácidos. Mais fracote, digamos assim, o triptofano perde a parada para seus congêneres, como a tirosina, que é um estimulante cerebral e está presente em alimentos proteicos como a carne vermelha. Resumo da ópera: para ajudar o triptofano a cumprir seu papel, é melhor que o leite morno seja acompanhado de algum carboidrato, como pão integral com mel. Isso estimula a liberação de insulina, que ajuda a limpar do sangue os aminoácidos rivais.

Para que o leite morno cumpra esse papel, precisa ser acopanhado por algum carboidrato, como pão integral com mel.

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

A ciência está mudando. O tempo todo.

Acompanhe por SUPER.

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou

Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Super impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 12,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.