Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

Algoritmo do Google aprende a ser lenda do xadrez em só 4 horas

A inteligência artificial AlphaZero precisou de uma única tarde para aprender tudo sobre o jogo — e derrotar o campeão mundial robótico em uma melhor de 100

Por Guilherme Eler 7 dez 2017, 19h14

Quanto tempo você levou para gravar que um cavalo só se movimenta em L, ou que o rei pode andar duas casas de uma vez com uma ajudinha da torre? E a primeira vitória contra um oponente à altura, veio quando? Para um algoritmo de uma subsidiária da Google, aprender isso e muito mais é tarefa para algumas poucas horas. Quatro, para ser mais preciso. Foi durante esse tempo que uma inteligência artificial desenvolvida pela DeepMind conseguiu se tornar uma lenda do xadrez e derrotar o adversário não-humano mais qualificado que alguém poderia arrumar para ela.

Se você é leitor da SUPER, talvez se lembre de que esta não é a primeira travessura ligada aos jogos de tabuleiro aprontada pela DeepMind. Essa mesma empresa de tecnologia foi responsável pela criação do AlphaGo, algoritmo que derrotou o campeão mundial de Go (jogo criado na China há mais de 2 milênios) no começo deste ano.

O desafio, agora, era outro. Ao invés de gravar as infinitas probabilidades de resultados do jogo chinês e disputar contra alguém de carne o osso, a ideia consistia em ensinar o computador do zero. Programado apenas com as regras do jogo, sem saber de nenhuma outra estratégia ou tática, o sistema foi submetido a uma técnica exaustiva de aprendizado de máquinas. O algoritmo deveria ensinar a si próprio a partir da repetição, jogando sozinho até ficar craque o suficiente para conseguir duelar com outros computadores. Foi assim que o AlphaGo virou AlphaZero, aspirante a Kasparov cibernético mais brilhante que se tem notícia.

O adversário escolhido foi o Stockfish, robô campeão mundial de xadrez (sim, isso existe), e a disputa aconteceu em uma melhor de 100. Dessa centena de partidas, o AlphaZero saiu invicto: venceu 28 (sendo 25 jogando com as peças brancas) e empatou 72. De acordo com a DeepMind, a diferença do robô campeão está na capacidade de processamento, mais próxima da humana. A AlphaZero consegue analisar até 80 mil posições por segundo, enquanto a capacidade da adversária, a destemida Stockfish, fica na casa das 70 mil. Haja bit para tanto cheque-mate.

Continua após a publicidade

Publicidade
Tecnologia
Algoritmo do Google aprende a ser lenda do xadrez em só 4 horas
A inteligência artificial AlphaZero precisou de uma única tarde para aprender tudo sobre o jogo — e derrotar o campeão mundial robótico em uma melhor de 100

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Transforme sua curiosidade em conhecimento. Assine a Super e continue lendo

MELHOR
OFERTA

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos no site e ter acesso a edição digital no app.

App SUPER para celular e tablet, atualizado mensalmente.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)

Impressa + Digital

Plano completo da Super. Acesso aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias e revista no app.

Acesso ilimitado ao Site da SUPER, com conteúdos exclusivos e atualizados diariamente.

Receba mensalmente a SUPER impressa mais acesso imediato às edições digitais no App SUPER, para celular e tablet.

a partir de R$ 12,90/mês

Publicidade