GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

Informática matou máquina de escrever

Foram os antigos sumérios que inventaram o primeiro sistema de impressão. Eles giravam cilindros de pedra com símbolos em relevo sobre placas de argila úmida. Perto do ano 350, os chineses já imprimiam sobre papel, usando carimbos de madeira. Em 1454, o alemão Johannes Gutenberg (década de 1390-1468) inventou a prensa de tipos móveis metálicos, que levou ao desenvolvimento da imprensa. Porém os textos originais continuaram sendo redigidos a mão por quatro séculos.

A primeira máquina de escrever só foi inventada em 1867 pelo americano Christopher Latham Sholes (1819-1890). Depois, veio a máquina elétrica e, com o advento da informática, teclado e impressão se separaram. As primeiras impressoras conseguiam imprimir apenas uma linha por segundo e eram barulhentas. Em 1982, a IBM colocou a primeira impressora a laser no mercado. Ela só imprimia trinta linhas por minuto, mas era silenciosa. Hoje, as mais rápidas imprimem 24 páginas por minuto. E quase nem se fabricam mais máquinas de escrever.