GABRILA65162183544miv_Superinteressante Created with Sketch.

Reprodução in vitro: Os perigos do ovo transparente

O francês Jacques Testart diz, em O Ovo Transparente (Edusp, 136 páginas), que a biologia está na moda. Ocupa o lugar que foi da física nos anos 40. Se naquela época a coqueluche era a bomba atômica, agora é o Projeto Genoma, que promete o mapeamento de todos os genes do homem.

“Pai” de Amandine, 13 anos, o primeiro bebê de proveta francês, Testard analisa as implicações morais da reprodução feita em tubos de vidro (os ovos transparentes). Alerta para dois perigos: o de querer-se escolher as características dos bebês e o do aborto in vitro (a recusa de uma fecundação artificial que não agrade aos pais). Por último, propõe uma pausa nas pesquisas para que se possa avaliar com tranqüilidade o que já foi feito, o que pode ser feito e o que efetivamente será feito na área.

Preço: 17,50 reais

Telefone da Edusp: (011) 813 8837